Geral | Ciência

100 anos do eclipse no Brasil que comprovou teoria de Einstein

"A questão que minha mente formulou foi respondida pelo radiante céu do Brasil", disse o cientista na época
O Estado MA29/05/2019 às 18h16
100 anos do eclipse no Brasil que comprovou teoria de EinsteinExperimento no Brasil comprovou a maior teoria científica de todos os tempos (Reprodução)

O dia 29 de maio marca 100 anos do eclipse solar no Brasil que comprovou a Teoria da Relatividade de Albert Einstein. Em 1919 um grupo de cientistas ingleses, americanos e brasileiros se reuniram em Sobral, no Ceará, para observar um eclipse solar completo.

Na ocasião foram usadas câmeras fotográficas acopladas a telescópios para a produção de imagens de estrelas posicionadas perto do Sol. Dois meses após o experimento as mesmas estrelas foram registradas, só que à noite, sem interferência do Sol.

O comparativo das fotos demonstrou uma pequena diferença no posicionamento das tais estrelas que comprovou que a massa do Sol altera o percurso da luz ao redor dele.

O resultado do experimento comprovou a teoria de Einstein na prática. O alemão dizia, ao contrário do que defendia Isaac Newton na Lei da Gravitação Universal, que a velocidade da luz era a única constante do Universo, e não o tempo.

Com as imagens obtidas em Sobral foi comprovado que os feixes de luz são desviados pela deformação causada pela massa solar. Assim, a comunidade científica anunciou que é verdadeira a teoria de que, quanto mais massa o objeto tem, maior a mudança que provoca na geometria do espaço e que isso é indissociável do tempo — que, portanto, não é constante.

Posteriormente, Einstein declarou: “A questão que minha mente formulou foi respondida pelo radiante céu do Brasil”.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte