Esporte | Sem o ''fator casa"?

Péssima campanha do Sampaio em casa coincide com baixo público

Com apenas sete vitórias, em 19 jogos, em São Luís, o Tricolor tem um dos piores públicos pagantes da Série B
19/11/2018 às 17h08
Péssima campanha do Sampaio em casa coincide com baixo público Fernando Sobral em partida do Sampaio no estádio Castelão (FERNANDO SOBRAL PUBLICO)

SÃO LUÍS – A péssima campanha do Sampaio em casa nesta Série B se reflete no público que o time levou ao estádio Castelão nesta edição da competição. Como fez o seu último jogo em São Luís na rodada passada, na vitória diante do Boa Esporte, o Tricolor encerrou sua participação como mandante e pode-se chegar à conclusão que o “fator casa” não ajudou a equipe maranhense nesta temporada, que culminou com o segundo rebaixamento seguido na segunda divisão do Brasileiro. No ranking geral de público pagante nas partidas, a Bolívia Querida ocupa apenas a 12ª colocação, com ínfimos 2.896 pagantes por jogo.

Fala-se que o “fator casa” não ajudou o Sampaio quando se olha para os números: de 19 jogos em São Luís, a equipe só venceu sete, empatou 4 e perdeu 8. Dos 57 pontos disputados ao lado da sua torcida, o Sampaio só conquistou 25.

E toda essa campanha frágil se refletiu nas arquibancadas. Para se ter uma ideia, o maior público pagante do Sampaio neste Série B foi diante do Londrina, quando 5.056 pessoas pagaram para ver a vitória do time do Paraná, por 2 x 1. Não por coincidência, a equipe vinha de duas vitórias seguida e os torcedores passaram a acreditar na permanência na Série B. Na sequência da competição o time viria a perder três jogos seguidos, incluindo um em São Luís (2 x 1 para o CSA).

O menor público pagante do Sampaio não à toa foi na partida contra o São José, quando o time já entrou em campo rebaixado para a Série C. Na rodada passada, o confronto Sampaio x Boa Esporte teve apenas 490 pagantes, menor público da jornada 37 do campeonato. E o Tricolor encerrou sua participação em São Luís.

Preparação da equipe

O Sampaio Corrêa iniciou, nesta segunda-feira(19), sua última semana de treinos na temporada 2018. No próximo sábado (24), a equipe tricolor fecha a participação na Série B diante do Criciúma, no Estádio Heriberto Hulse, em Santa Catarina.

Para enfrentar os catarinenses, o técnico Marcinho Guerreiro terá o atacante Jheimy à disposição. O jogador ficou fora da última partida devido ao terceiro cartão amarelo.

A preparação do Sampaio continua nesta terça-feira (20), no CT José Carlos Macieira.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte