Política | Economia

Governo atualiza relatório e admite déficit primário de R$ 970 milhões em 2017

O valor atualizado é três vezes pior que meta estabelecida, de R$ 277 milhões
Gilberto Léda08/04/2018 às 09h06
Governo atualiza relatório e admite déficit primário de R$ 970 milhões em 2017

O Governo do Maranhão atualizou o resultado primário e admitiu um déficit de R$ 970 milhões no exercício financeiro de 2017.

Os dados iniciais – preliminares, divulgados em janeiro -, apontavam para um déficit de R$ 1,1 bilhão. O valor atualizado é de exatos R$ 968,3 milhões, e foi republicado no Diário Oficial do Dia 27 de março.

O resultado é a diferença entre o que foi arrecadado pelo Estado e o que foi gasto.

Segundo o Relatório Resumido de Execução Orçamentária do 6º bimestre de 2017, documento produzido pela Secretaria de Estado do Planejamento e Orçamento (Seplan), no ano passado o governo Flávio Dino (PCdoB) teve receitas da ordem de R$ 15,3 bilhões, mas gastou R$ 16,2 bilhões.

De acordo com o Orçamento proposto pelo governo e aprovado pela Assembleia, esse déficit deveria ser de pouco mais de R$ 277 milhões.

Para o deputado Adriano Sarney (PV), o governador Flávio Dino pode ter cometido crime de responsabilidade ao fechar o ano com déficit primário três vezes maior que o previsto em lei.

Ele compara o caso maranhense ao desequilíbrio apresentado pela ex-presidente Dilma Rousseff (PT) nos anos finais do seu governo, antes do impeachment.

“Isso pode se configurar como crime de responsabilidade. Por muito menos do que isso, a ex-presidente Dilma Rousseff sofreu um impeachment. Com a diferença de que a equipe econômica do governo dela chegou a revisar a meta fiscal. No caso do Governo do Maranhão, a meta era de déficit de R$ 277 milhões, não houve nenhuma revisão”, comentou, à época da divulgação dos primeiros dados.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte