Política | Câmara dos Deputados

Bancada maranhense recebe novo relatório sobre obras da BR-135

DNIT informou que 90% dos serviços de duplicação da rodovia foram concluídos
01/09/2017 às 11h33
Bancada maranhense recebe novo relatório sobre obras da BR-135Bancada maranhense na Câmara dos Deputados pediu relatório para acompanhar conclusão de obras de duplicação da BR-135 (Arquivo)

A bancada maranhense na Câmara dos Deputados solicitou um relatório sobre as obras de duplicação da BR-135 no primeiro trecho que vai até Bacabeira. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), 90% do serviço já foi concluído e a construção do viaduto está em andamento.

Ainda de acordo com o relatório, foi finalizado aproximadamente 10 quilômetros de duplicação. Os serviços de coluna de brita restantes estão em fase de finalização na cabeceira da ponte da saída de São Luís.

“O viaduto sobre a linha Férrea da VALE está concluído e o tráfego já foi desviado, e os serviços de terraplenagem e pavimentação na região do Campo de Perizes reiniciaram após o término do período chuvoso”, explicou.

O DNIT diz ainda que está em andamento a construção do viaduto em Bacabeira (km 51). A previsão de liberação da pista dupla nos 26 km é para até dezembro de 2017. A partir de novembro, inicia a restauração da pista antiga (pista esquerda, sentido São Luís-Bacabeira).

As obras de duplicação da BR-135 entre Bacabeira e Outeiro (km 51,3 ao km 95,6) já tem contratos assinados e aguardam licença de instalação para o início das obras. O mesmo acontece para o trecho entre Outeiro e Miranda do Norte (km 95,6 ao km 127,75).

Por fim, o DNIT informou que as obras de pavimentação e melhoramentos da BR-226 e implantação e pavimentação da alteração de traçado da BR-316 (contorno de Timon – km 0 ao 100 da BR-226 e km 609,4 ao km 620,9 da BR-316), estão em andamento em fase de terraplanagem em 25 kms. A previsão do início da execução do revestimento é setembro de 2017.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte