Geral | Serviço

Emissão de carteira de trabalho não precisará de agendamento

No Maranhão, emissão pode ser feita na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, em São Luís, e nas agências do estado
O Estadoma.com, com informações de assessoria05/10/2016 às 08h29
Emissão de carteira de trabalho não precisará de agendamento

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, determinou que todos os postos de atendimento do Ministério do Trabalho e do Sistema Nacional de Emprego (Sine) recebam os pedidos de Carteira de Trabalho sem a necessidade de agendamento prévio. A determinação vale a partir de hoje (5) e se estende por todo o mês de outubro. “Nenhum trabalhador ficará sem atendimento”, afirma Ronaldo.

O Ministério do Trabalho informa que o sistema de emissão de carteira digital está funcionando normalmente em todo o país e continuará sendo utilizado durante todo o mês. No entanto, para garantir que todo trabalhador tenha seu documento emitido, o Ministério do Trabalho está disponibilizando também a emissão da carteira manual, em caso de falha ou intermitência do sistema.

“Já enviamos um primeiro lote de 300 mil carteiras para todo o Brasil e a expectativa é distribuirmos 1,5 milhão”, frisou o ministro. Para o Maranhão, estão sendo enviadas 10 mil carteiras manuais, que serão distribuídas para os postos de atendimento do estado até sexta-feira (7).

Os maranhenses que já estão com agendamento garantido serão atendidos com prioridade na data marcada. Além da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), em São Luís, o trabalhador pode procurar pela CTPS nas Gerências Regionais dos municípios de Imperatriz e Bacabal. As agências dos municípios de Presidente Dutra, Caxias, Pinheiro, Santa Inês, Balsas, Codó, Açailândia, Pedreiras, Carolina e São João dos Patos também fazem esse atendimento, assim como, os conveniados do Sine. Todos receberão a quantidade de documentos necessária para atender corretamente a demanda.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte