Olimpíada de profissões em SL

Jovens participam de olimpíada nacional de profissões em São Luís

Etapa nacional começou ontem e se estenderá até a próxima sexta-feira, 22, no Centro de Educação Profissional e Tecnológica do Senai, no Itaqui-Bacanga; o projeto que vencer a competição será o representante brasileiro na WorldSkills

Thiago Bastos

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h46
(Estudantes do Paraná montam projeto de eletricidade industrial com conceito de automação)

Estudantes de 14 estados do país e do Distrito Federal iniciaram ontem a disputa, em São Luís, da Olimpíada Nacional de Profissões, que acontece no Centro de Educação Profissional e Tecnológica do Senai, na área Itaqui-Bacanga, em São Luís. Para vencer a disputa, jovens devem apresentar, até a próxima sexta-feira,22, um projeto desenvolvido com conceitos de eletricidade industrial e automação.

De acordo com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial ( Senai), promotor do evento, o projeto que vencer a competição será o representante brasileiro na WorldSkills, considerada a maior competição profissional do mundo e que será realizada, no ano que vem, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Mesmo sediando a competição, o Maranhão não tem representante na etapa realizada em São Luís.

No total, os estudantes terão 20 horas para a entrega do projeto. Depois, serão dadas notas para cada trabalho. Os dois primeiros colocados terão, ao final da competição, uma disputa à parte para saber quem será o integrante brasileiro na WorldSkills. “ É uma forma de estimular os jovens no campo do conhecimento científico e, ao mesmo tempo, mostrar o desenvolvimento tecnológico na área industrial”, disse o coordenador da Olimpíada Nacional de Profissões em São Luís, Raimundo Ribeiro.

Seletivas

No próximo mês, ocorrerão outras três seletivas no Brasil - nas cidades de Caxias do Sul (RS), João Pessoa (PB) e São José dos Pinhais (PR) - para a WorldSkills e que exigirão dos alunos a execução de projetos nas áreas de construção em alvenaria, aplicação de revestimento cerâmico e gestão de sistema de redes.

“ Nestas três etapas, deveremos ter representantes maranhenses exibindo projetos e mostrando os seus talentos”, afirmou o coordenador da Olimpíada Nacional de Profissões em São Luís.

O professor de eletricidade industrial, Divando Benassuly, que acompanhou a delegação do Amapá (um dos estados participantes da Olimpíada de Profissões em São Luís) ressaltou a importância da competição para o desenvolvimento profissional dos estudantes. “ É uma disputa, mas que gera a preocupação com o aperfeiçoamento do conhecimento e, neste aspecto, o estudante melhora o seu desempenho e terá ainda mais chances de se destacar no mercado de trabalho”, disse.

Frase

“ É uma forma de estimular os jovens no campo do conhecimento científico e, ao mesmo tempo, mostrar o desenvolvimento tecnológico na área industrial”

Raimundo Ribeiro

Coordenador da Olimpíada Nacional de Profissões em São Luís

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.