Falsidade ideológica

Homem é preso ao tentar realizar empréstimo de mais de R$ 16 mil com uso de documentos falsos em Timon

Após receber voz de prisão, o suspeito confessou o crime e informou que receberia uma recompensa no valor de R$ 1 mil.

Imirante.com, com informações da Polícia Civil

Agência do Bradesco em Timon.
Agência do Bradesco em Timon. (Foto: Google Maps)

TIMON – Um homem foi preso pela Polícia Civil ao tentar realizar um empréstimo de mais de R$ 16 mil, com uso de documentos falsos, em Timon, no interior do Maranhão. Suspeito foi preso nessa segunda-feira (26), dentro de uma agência bancária da cidade.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações iniciaram na quinta-feira (23), quando a gerente da agência bancária acionou a equipe de investigação do 1º Distrito Policial de Timon para investigar um homem que havia apresentado documentos falsos com o objetivo de tentar realizar um empréstimo no valor de mais de R$ 16 mil. Já na instituição financeira, os policiais concluíram que a foto do RG era falsa, se comparado aos dados do titular fornecidas pelo Instituto de Identificação do Maranhão.

Já na última segunda-feira, o suspeito retornou a agência bancária fazendo uso dos mesmos documentos falsos para sacar o valor do empréstimo de R$ 16.300 e foi flagrado pelos agentes da Polícia Civil que deram voz de prisão ao investigado pela prática do crime de falsidade ideológica, uso de documento falso e falsificação de documento público.

Ainda de acordo com a polícia, durante a prisão o suspeito confessou o crime e informou que receberia uma recompensa no valor de R$ 1 mil. O homem foi autuado e apresentado na sede da Central de Flagrante de Timon e, em seguida, encaminhado ao presídio da cidade.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.