Caso é investigado

Morre cão que viralizou em vídeo correndo atrás de carro em avenida de São Luís

As cenas foram gravadas na manhã dessa segunda-feira (28), no Ipase, em São Luís.

Imirante.com

- Atualizada em 29/08/2023 às 12h26
Caso ganhou repercussão nas redes sociais nessa segunda-feira (28). (Foto: Reprodução)
Caso ganhou repercussão nas redes sociais nessa segunda-feira (28). (Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS - Morreu, na madrugada desta terça-feira (29), o cão que viralizou nas redes sociais após aparecer em um vídeo correndo atrás de um carro, na avenida Daniel de La Touche, no bairro Ipase, em São Luís.

O vídeo foi gravado na manhã dessa segunda-feira (28). Após correr atrás do veículo, o animal foi atropelado próximo à alça de acesso à Via Expressa, na capital. Após o acidente, ele foi resgatado e levado a um hospital veterinário onde morreu, nesta madrugada, de parada cardiorrespiratória

Cão correu atrás de carro na avenida Daniel de La Touche, no Ipase. (Foto: Reprodução)
Cão correu atrás de carro na avenida Daniel de La Touche, no Ipase. (Foto: Reprodução)

Uma das versões iniciais do caso apontavam que o cão, chamado Vigilante, tinha sido abandonado e, por isso, aparecia nas imagens correndo atrás do veículo.

No entanto, uma outra versão surgiu após o cachorro ser resgatado e a dona dele ser localizada. A versão contada pela mulher é a de que todas as manhãs, o animal saia para a rua e depois volta para casa, no bairro do Ipase. Porém, na manhã dessa segunda, ele seguiu uma vizinha até a parada de ônibus onde ela pegou uma carona no carro que aparece nas imagens. O atropelamento aconteceu no momento em que Vigilante corria atrás do veículo. Veja o vídeo abaixo:

Segundo o hospital veterinário, após o atropelamento, o cão foi diagnosticado com pneumotórax grave (presença de muito ar no tórax); contusão pulmonar; corpo estranho no estômago; mucosas pálidas (brancas) e apresentando muita dificuldade respiratória.

Ainda de acordo com boletim médico veterinário, durante a madrugada houve piora no quadro clínico do animal, mesmo ele passando por várias drenagens no tórax. O animal morreu após entrar em parada cardiorrespiratória, mesmo com várias tentativas de reanimação.

O cão Vigilante morreu na madrugada desta terça. (Foto: Reprodução / Redes Sociais)
O cão Vigilante morreu na madrugada desta terça. (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

"O Vigilante foi assistido pela equipe com todo suporte medicamentoso, oxigenoterapia e manobra pra reverter o quadro. Feito protocolo para sepse, porém entrou em parada cardiorrespiratória e mesmo havendo vários ciclos (procedimentos para reanimação), não houve sucesso. Estávamos muito esperançosos e em oração", explica o boletim médico veterinário.

Nota do hospital veterinário onde o animal recebeu atendimento. (Foto: Reprodução / Redes Sociais)
Nota do hospital veterinário onde o animal recebeu atendimento. (Foto: Reprodução / Redes Sociais)

O que diz a polícia?

A Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) informou que o caso está sendo investigado pela Delegacia de Meio Ambiente (Dema) e que as pessoas envolvidas já foram ouvidas.

A polícia também informou que as investigações iniciais não apontam para abandono de animal, porém que o caso vai continuar sendo investigado até que todos os fatos sejam devidamente esclarecidos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.