Assistência Social

Eduardo Braide participa do lançamento da Jornada Auxílio Brasil em São Luís

O evento, que contou com a presença de prefeitos e secretários municipais, percorre o Brasil e é realizado pelo Ministério da Cidadania.

Com informações da Assessoria

Eduardo Braide, prefeito de São Luís, discursa no lançamento da Jornada Auxílio Brasil.
Eduardo Braide, prefeito de São Luís, discursa no lançamento da Jornada Auxílio Brasil. (Divulgação / Prefeitura de São Luís)

SÃO LUÍS - O prefeito Eduardo Braide participou, na manhã de segunda-feira (13), no Auditório Central da Universidade Federal do Maranhão (Ufma), da etapa maranhense da "Jornada Auxílio Brasil", com os programas de transferência de renda e as políticas de assistência social do Governo Federal. O ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, apresentou o novo programa aos gestores municipais.

"É uma alegria avançar ainda mais nas políticas sociais em nossa cidade. Aqui, além do Auxílio Brasil, temos ainda o Programa Alimenta Brasil, onde já conseguimos passar de 93 agricultores cadastrados para 400 famílias cadastradas, desde quando assumimos a Prefeitura. E com a ajuda da bancada federal, a meta é dobrar o número de agricultores cadastrados no programa de Aquisição de Alimentos, o PAA, do Governo Federal, que tem como finalidade ampliar o acesso à alimentação e incentivar a produção de agricultores familiares da nossa Zona Rural", destacou o prefeito Eduardo Braide, que recebeu ainda a chave de um caminhão do programa para a capital maranhense.

O evento, que contou com a presença de prefeitos e secretários municipais dos 217 municípios maranhenses, percorre o Brasil e é realizado pelo Ministério da Cidadania, com o intuito de sanar dúvidas e promover o diálogo entre os gestores locais e a população. A ideia é otimizar o atendimento do programa Auxílio Brasil e de seus benefícios complementares, como o Bolsa de Iniciação Científica, Bolsa Esporte Escolar e Inclusão Produtiva Rural.

"São R$ 90 bilhões de reais por ano, só de Auxílio Brasil, transformando a vida das pessoas através dessa ajuda e em São Luís, com o esforço e o trabalho do prefeito Eduardo Braide, as famílias que aguardavam para entrar no programa foram incluídas e hoje, mais de 104 mil famílias da capital recebem o benefício", comemorou o ministro, Ronaldo Bento.

A secretária nacional de Assistência Social, Maria Yvelônia, fez ainda a apresentação do Auxílio Brasil, do CadÚnico e da Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação (SAGI), que tem como missão, identificar as melhores estratégias para aperfeiçoar as políticas públicas sob a responsabilidade do Ministério da Cidadania.

Durante a cerimônia, foi feita a entrega simbólica dos veículos do Programa Alimenta Brasil a gestores de municípios maranhenses, do cartão Auxílio Brasil a alguns beneficiários do programa em São Luís e também a assinatura do Termo de liberação de recursos financeiros aos municípios. "Eu tenho três filhos e mesmo fazendo alguns bicos, o que sustenta a minha família é esse dinheiro do Auxílio", assegurou Luana Silva.

O senador Roberto Rocha (PTB), que foi o relator do texto que garantiu de forma permanente o valor mínimo de R$ 400 para as famílias beneficiárias do Auxílio Brasil, também participou do evento e falou sobre as mudanças e as melhorias entre o antigo e o novo programa de transferência de renda. "Antes, com o Bolsa Família, o benefício era cortado se o trabalhador arrumasse um emprego. Hoje, o Auxilio Brasil tem um modelo social e emancipador, pois o trabalhador permanece por mais dois anos recebendo a metade do valor do Auxílio Brasil e isso traz segurança financeira ao trabalhador", defendeu o senador Roberto Rocha 

Sobre o Auxílio Brasil

O programa Auxilio Brasil é o maior programa social de transferência de renda do mundo. São mais de 18 milhões de famílias brasileiras que recebem o benefício de R$ 400,00 por mês, em um investimento de R$ 90 bilhões por ano. O Maranhão é o estado brasileiro que tem o maior número de beneficiários do programa, com 1,1 milhão de famílias contempladas, que injetam R$ 460 milhões na economia do Estado.

Participaram ainda do evento, o vice-reitor da Ufma, professor Marcos Fábio; os deputados federais Juscelino Filho (DEM), Cleber Verde (Republicanos), Josivaldo JP (PSD), Aluísio Mendes (Podemos); as secretárias municipais, respondendo pela pasta da Criança e Assistência Social (Semcas), Ana Carla Furtado e de Segurança Alimentar, Nirvana Anchieta; além do vice-presidente da Câmara de Vereadores, Gutemberg Araújo (PSC). 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.