Morte

Homem leva vários tiros no Residencial Ribeira e chega sem vida na UPA do Maracanã

A vítima foi alvejada no rosto, abdômen, peito, perna e braços e, segundo a polícia, quatro homens teriam participado dessa empreitada criminosa.

Imirante.com

- Atualizada em 22/05/2022 às 10h36
A vítima levou vários tiros e chegou sem vida na UPA do Maracanã.
A vítima levou vários tiros e chegou sem vida na UPA do Maracanã. (Foto: divulgação)

SÃO LUÍS - O homem, identificados como Eider dos Santos Vale, Juju, de 26 anos, levou vários tiros quando estava saindo de uma lanchonete, no Residencial Ribeira, em São Luís durante a noite de sábado (21) e chegou sem vida na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Maracanã.

Leia também em: 

Dois faccionados são presos suspeitos de homicídio na Cidade Olímpica, em São Luís

Homicídio por arma de fogo é registrado no Andiroba, em São Luís

A esposa da vítima, nome não revelado, disse para a polícia que estavam saindo de uma lanchonete, no Residencial Ribeira, quando foram abordados por quatro homens, não revelados, que estavam portando arma de fogo.

A polícia informou que os criminosos anunciaram o assalto como ainda balearam Eider Vale na rosto, abdômen, peito, perna e braços. A vítima ainda foi levada para a UPA do Maracanã, mas, chegou sem vida.

Ainda segundo a polícia, os suspeitos fugiram a pé. Em consulta ao sistema do Sigma ficou constatado que a vítima tinha passagem pelos crimes de roubo qualificado, homicídio doloso, ameaça e associação criminosa. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil.


 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.