Morte

Interno de Pedrinhas morre na UPA do Maracanã, em São Luís

A Seap informou que Vinícius Vilar deu entrada no presídio com ferimentos causados por arma de fogo e foi encaminhado para o hospital.

Imirante.com

- Atualizada em 18/05/2022 às 17h29
O interno de Pedrinhas estava com ferimento causado por arma de fogo e morreu na UPA do Maracanã.
O interno de Pedrinhas estava com ferimento causado por arma de fogo e morreu na UPA do Maracanã. (Divulgação)

SÃO LUÍS -  O interno da Central de Inquéritos e Custódia da Comarca da Ilha de São Luís, identificado como Vinícius Vilar Castro Costa, de 25 anos, morreu nessa terça-feira (17), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Maracanã, na capital.

Leia também em: 

Detento é encontrado morto em banheiro de cela, no Complexo de Pedrinhas

Polícia investiga suposto assassinato na penitenciária de Pedrinhas

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap), por meio de nota, informou que Vinícius Vilar foi detido e deu entrada na Central de Inquéritos e Custódia da Comarca da Ilha de São Luís com ferimentos causados por arma de fogo. 

Ainda segundo a nota, Vinícius foi, automaticamente, encaminhado para o Núcleo de Saúde do Complexo Penitenciário de Pedrinhas e, após análise e constatação da gravidade, foi transferido para a UPA do Maracanã, onde veio a óbito.

O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), no Bacanga. A morte de Vinícius Vilar está sendo investigada pela equipe da Polícia Civil.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.