Execução

Adolescente de 16 anos é morto com nove tiros no Parque Timbiras

A vítima foi abordada em plena via pública e alvejada na cabeça, nos braços, nas pernas e no pescoço.

Imirante.com

- Atualizada em 28/04/2022 às 16h51
O adolescente foi morto a tiros no Alto do Parque Timbiras, em São Luís.
O adolescente foi morto a tiros no Alto do Parque Timbiras, em São Luís. (Divulgação)

SÃO LUÍS - Um adolescente, de 16 anos, foi morto após levar mais de nove tiros efetuados por dois homens, não identificados, em plena tarde desta quinta-feira (28), na avenida São Mateus, no Alto do Parque Timbiras, na capital maranhense.

Leia também em: 

Quatro faccionados acusados de assassinato são presos na Grande SL

SL registra média de um assassinato por dia no mês de fevereiro

A polícia informou que a vítima foi abordada no meio da via pública e alvejada na cabeça, braços, costas e pescoço. Os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados e constataram a morte do adolescente.

Os peritos do Instituto de Criminalística (Icrim) também estiveram no local do crime. O corpo da vítima foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), no Bacanga, para ser necropsiado e, logo após, deve ser liberado para os familiares.

Ainda segundo a polícia, o assassinato foi cometido por dois homens que fugiram em uma motocicleta, de marca e placa não identificadas. O caso vai ser investigado pela equipe da Superintendência de Homicídio e Proteção a Pessoas (SHPP).

Outro assassinato

A polícia também registrou um assassinato durante a noite de quarta-feira (27), no Residencial Albino Soeiro, na cidade de São José de Ribamar, Região Metropolitana de São Luís. Um homem foi morto a tiros e o corpo removido para o IML. A vítima até o período da tarde desta quinta-feira ainda não tinha sido identificado e o caso é investigado pela Polícia Civil.


 


 


 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.