Paralisação continua

Nova reunião para colocar fim a greve de rodoviários ocorre na próxima semana

Paralisação ocorrer há 25 dias e somente na quarta-feira, 16, empresários e trabalhadores voltam a se reunir no Tribunal Regional do Trabalho.

Carla Lima/Editora de Política

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h07
(Divulgação)

SÃO LUÍS - A greve dos rodoviários em São Luís deverá durar, no mínimo, até a próxima quarta-feira, 16. Isto porque para a data é que está marcada uma nova rodada de reunião dos motoristas, cobradores e fiscais com os empresários do Sistema Público de Transporte da capital. A greve já dura 25 dias deixando os usuários do transporte público com somente 60% da frota em circulação.

Está agendada para a próxima semana uma nova reunião de mediação entre rodoviários e empresários do sistema de transporte púbico de São Luís para colocar fim a greve que já dura quase um mês na capital.

A mesa de negociação mais uma vez ocorrerá no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) 16ª região. Outros encontros já aconteceram, no entanto, as conversas que passam por reajuste salarial dos rodoviários não avançaram. Desde quando a Câmara Municipal de São Luís promulgou lei que não permite que rodoviários acumulem funções, os empresários do setor de transportes não apresentaram nova proposta aos trabalhadores.

Na ata da última reunião, a Prefeitura de São Luís parece ter se colocado à disposição para contestar o problema. Segundo informações divulgadas pelo TRT, o município cogitou até medidas financeiras para resolver o problema. "De forma clara e direta, qual pode ser a sua participação, em termos financeiros, na solução da controvérsia" , diz a Prefeitura de São Luís na ata da última reunião entre empresários e rodoviários.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.