Privatizações

Governo Federal prevê leiloar nesta semana aeroportos de São Luís e Imperatriz

Serão ofertados à iniciativa privada 28 ativos de infraestrutura, com previsão de mais de R$ 10 bilhões em investimentos no país.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h03
 Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado, em São Luís.
Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado, em São Luís.

MARANHÃO - Nesta semana o governo federal retoma a sua agenda de privatizações com a previsão de realização de 3 leilões de infraestrutura. Entre os dias 7 e 9 de abril, serão ofertados à iniciativa privada 22 aeroportos, 1 ferrovia e 5 terminais portuários.

Leia também:

Aeroporto de Imperatriz está entre os 22 que serão privatizados

Anac aprova sexta rodada de leilões de aeroportos, incluindo São Luís e Imperatriz

No Maranhão, o aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado, em São Luís, e Renato Cortez Moreira, no município de Imperatriz serão leiloados nesta quarta-feira (7). Além deles, mais 20 aeroportos no país estão na chamada pelo governo de "Infra Week"(semana de leilões).

Segundo o Ministério da Infraestrutura, a semana de leilões tem potencial de garantir mais de R$ 10 bilhões em investimentos no Brasil.

 Aeroporto Prefeito Renato Moreira, no município de Imperatriz.
Aeroporto Prefeito Renato Moreira, no município de Imperatriz.

Os 22 aeroportos do leilão de quarta-feira (7) foram divididos em três blocos:

Bloco Sul (9 aeroportos): Curitiba (PR), Foz do Iguaçu (PR), Navegantes (SC), Londrina (PR), Joinville (SC), Bacacheri (PR), Pelotas (RS), Uruguaiana (RS) e Bagé (RS);

Bloco Norte (7 aeroportos): Manaus (AM), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Cruzeiro do Sul (AC), Tabatinga (AM), Tefé (AM) e Boa Vista (RR);

Bloco Central (6 aeroportos): Goiânia (GO), São Luís (MA), Teresina (PI), Palmas (TO), Petrolina (PE) e Imperatriz (MA).

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.