No Maranhão

Prorrogada a segunda etapa da campanha contra febre aftosa

A Aged recomenda ao produtor não deixar tudo para o final do prazo.

Divulgação / Aged

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h05
Prorrogação vai até dia 14 de dezembro.
Prorrogação vai até dia 14 de dezembro. (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS - O produtor maranhense que ainda não vacinou seu gado bovino e bubalino, nesta II Etapa da Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa, tem até o dia 14 de dezembro para imunizar os animais na faixa etária de 0 a 2 anos, com a dose de 2 ml e até 18 de dezembro para comprovação da vacinação.

Os produtores que não têm animais na faixa etária de interesse nesta campanha devem comparecer nos escritórios da Aged para atualização cadastral do rebanho e da propriedade.

A Aged recomenda ao produtor não deixar tudo para o final do prazo. Ao imunizar os animais, o criador deve fazer a comprovação da vacina no escritório da Aged onde a propriedade está cadastrada, que pode também ser por agendamento ou on-line.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) autorizou o Maranhão a prorrogar os prazos para atingir o índice de cobertura vacinal que é acima de 90%, tanto de animais, como de propriedades.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.