Balneabilidade

Laudo da Sema aponta trechos impróprios para banho em praias da Ilha

Análise coletou amostras em 22 trechos da orla da Grande São Luís entre os dias 31 de agosto e 28 de setembro.

Imirante.com, com informações da Sema

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h06
Vinte e dois trechos de praias da Grande São Luís estão impróprios para banho.
Vinte e dois trechos de praias da Grande São Luís estão impróprios para banho. ( Foto: O Estado)

SÃO LUÍS - Todos os trechos de praias da Região Metropolitana de São Luís analisados pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema) estão impróprios para banho.

O laudo informa que foram monitorados 22 pontos no período de 31 de agosto a 28 de setembro deste ano. Os trechos estão distribuídos nas praias de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa. O monitoramento obedece aos padrões estabelecidos na Resolução Conama nº 274/2000, segundo o laudo.

Os trechos que não estão liberados para banho pertencem às praias da Ponta D'Areia, Ponta do Farol, São Marcos, do Calhau, Olho-d'Água, Praia do Meio, Araçagy, Olho de Porco e Mangue Seco.

Desde a nota técnica divulgada anteriormente, a constatação já era de que todos os trechos de praias analisadas estavam impróprios para o banho.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.