Justiça

Acusado de tentativa de homicídio é absolvido em Mirador

Motivo teria sido o término do relacionamento com Maria Edina Rodrigues, mãe da vítima.

Imirante.com, com informações do CGJ-MA

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h34
(Foto: Divulgação)

MIRADOR - O juiz Eilson Santos, titular da Comarca de Mirador, presidiu uma sessão do Tribunal do Júri na comarca nesta quarta-feira (9). A sessão teve como réu Abdias Rodrigues dos Santos, que estava sendo acusado de crime de tentativa de homicídio praticado contra a menor A.C, de 14 anos de idade. O motivo teria sido o término de relacionamento com Maria Edina Rodrigues, mãe da vítima.

Consta na denúncia que o crime ocorreu em junho de 2013, no Povoado Santana, localidade de Mirador. Abdias teria tentado matar a menina com um tiro de espingarda do tipo “bate-bucha”, na parte externa da casa de propriedade de Roseane Souza.

Destaca a denúncia, ainda, que a menor somente não morreu porque o tiro não atingiu partes vitais do corpo de A.C. Ele teria agido assim inconformado com o término de relacionamento com Maria Edina. Também no inquérito foi informado que Abdias teria colocado fogo em uma casa, causando crime de dano, mas não houve vítimas porque a casa estava vazia.

Abdias era acusado dos crimes de dano e porte ilegal de arma, acusação afastada pelos jurados do Conselho de Sentença. Os jurados afastaram, também, a autoria do crime atribuída ao acusado. A defesa alegou falta de provas, pedindo a absolvição, o que foi acatado pelos jurados.

A Comarca de Mirador informou que o júri marcado para o dia último dia 8 teve que ser adiado a pedido do advogado de defesa. A sessão foi então redesignada pelo juiz Eilson Santos para o próximo dia 17.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.