Feminicídio

Mulher é espancada pelo marido e morta com tiro na cabeça, em Estreito

O suspeito deste feminicídio registrado nesse domingo está foragido.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h11
Mais um caso de feminicídio foi registrado no Maranhão.
Mais um caso de feminicídio foi registrado no Maranhão. (Foto: Arquivo)

ESTREITO – Uma mulher foi morta com um tiro na cabeça nesse domingo (15), na zona rural do município de Estreito. O suspeito de mais este feminicídio é Vilson Marinho, marido da vítima.

Dayara Maia Ferreira, de 25 anos, foi espancada com um pedaço de madeira e depois baleada na frente do filho de sete anos. O suspeito fugiu após o crime e está sendo procurado pela polícia.

O suspeito, que era caçador, tinha armas de fogo em casa, de acordo com relato de parente da vítima. Wilson entregou a criança na casa da família da esposa e informou rapidamente sobre o crime. Em seguida, ele fugiu.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.