Criminalidade

Operação prende nove pessoas suspeitas de tráfico de drogas em Cururupu

Segundo a polícia, suspeitos vinham sendo responsáveis por homicídios, lesões corporais e torturas na região da baixada maranhense.

Imirante.com, com informações da Polícia Civil

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h04
Material apreendido durante a operação.
Material apreendido durante a operação. (Foto: Divulgação / Polícia Civil)

CURURUPU – A Polícia Civil do Maranhão deflagrou, nessa quarta-feira (24), a operação ‘Trem Bala’, e prendeu nove pessoas suspeitas de envolvimento em associações criminosas especializadas no tráfico de drogas que atuam na região da baixada maranhense, especificamente em Cururupu, cidade distante 227 km de São Luís.

Leia também:

Polícia prende cinco suspeitos de homicídio e outros crimes em Cururupu

Foragido da Justiça suspeito de homicídios é preso na MA-006, em Cururupu​

Duas motocicletas roubadas são recuperadas e arma de fogo é apreendida em Cururupu​

A operação contou com apoio operacional do 25º Batalhão da Polícia Militar, da Delegacia Especial da Mulher de Cururupu, das delegacias de Bacuri, Guimarães e Mirinzal, bem como da Delegacia Regional de Pinheiro, Delegacia Regional de Zé Doca, e da 2ª Companhia Independente da Polícia Militar de Mirinzal. A ação visava dar cumprimento a seis mandados de prisão temporária e 16 de busca e apreensão expedidos pelo Juízo da comarca de Cururupu.

De acordo com informações da polícia, além do crime de tráfico, as organizações vinham sendo responsáveis por homicídios, lesões corporais e torturas aos moradores da região da baixada maranhense.

Ainda segundo a polícia, durante a operação foram apreendidos dois revólveres calibre 38 com 16 munições intactas; uma pistola calibre 380 com 15 munições intactas; dois rádios comunicadores; um tablete de cocaína prensada; 56 porções pequenas de cocaína embaladas para comercialização; 126 porções médias de crack; três tabletes de maconha prensada; 159 papelotes de maconha; aproximadamente R$ 10 mil em espécie e 11 pacotes de cigarro da marca Might de comercialização proibida no Brasil.

A polícia informou também que as investigações seguem no intuito de localizar os demais coautores.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.