Apreensão

Cerca de 100 pássaros silvestres são apreendidos na BR-316, em Caxias

95 pássaros da espécie Curió e quatro pássaros da espécie Trinca-ferro Cinza foram encontrados em gaiolas pequenas, sem água e comida.

Imirante.com, com informações do g1 MA

- Atualizada em 15/05/2022 às 16h05
Cerca de 100 pássaros silvestres são apreendidos na BR-316, em Caxias
Cerca de 100 pássaros silvestres são apreendidos na BR-316, em Caxias (Foto: Divulgação/ PRF)

CAXIAS - Cerca de 100 pássaros silvestres das espécies Curió e Trinca-ferro Cinza, foram apreendidos no compartimento de carga de uma picape na BR-316, nesse sábado (14), no município de Caxias, a 368 km de São Luís. 

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a equipe deu ordem de parada por volta das 23h a um veículo que transportava no compartimento de carga várias caixas de plástico. Ao ser questionado pelos policiais, o motorista da picape alegou que se tratavam de caixas vazias que são utilizadas para armazenar animais exóticos que ele estava transportando de Fortaleza, no Ceará, para vender no Maranhão. 

Escondidas entre as caixas, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) encontrou durante a fiscalização, gaiolas com 95 pássaros da espécie Curió e quatro pássaros da espécie Trinca-ferro Cinza. Os animais estavam em pequenos espaços e privados de comida e água. 

Ao ser questionado sobre o transporte dos pássaros, o motorista do veículo informou que os animais exóticos eram destinados à venda para Pet-Shops e que constantemente vem ao Estado para vendê-los. 

O veículo utilizado no transporte e os animais e gaiolas foram apreendidos e encaminhados ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) na cidade de Teresina, no Piauí. O condutor envolvido assinou um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) e foi liberado sob a condição de comparecer em juízo quando convocado.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.