Feminicídio

Preso empresário suspeito de matar jovem de 18 anos a tiros em Lagoa Grande

Jocian Barroso da Conceição, de 37 anos, se apresentou na delegacia e, contra ele, já havia um mandado de prisão preventiva.

Imirante.com

- Atualizada em 30/06/2022 às 08h41
Empresário foi preso suspeito de feminicídio. Foto: Reprodução.
Empresário foi preso suspeito de feminicídio. Foto: Reprodução.

BACABAL – Foi preso, nessa quarta-feira (29), na cidade de Bacabal, o empresário Jocian Barroso da Conceição, de 37 anos, suspeito do assassinato da jovem Stephane da Conceição Oliveira, de 18 anos. Ela foi morta a tiros na madrugada de segunda-feira (27), no município de Lagoa Grande do Maranhão.

Segundo informações do delegado de Lagoa Grande do Maranhão, Rodson Almeida, contra o suspeito já havia um mandado de prisão preventiva, que foi cumprido após ele se apresentar com advogado na Delegacia de Bacabal. Ele permaneceu em silêncio ao ser interrogado sobre o crime na delegacia.

A jovem Stephane da Conceição foi morta a tiros em Lagoa Grande do Maranhão. Foto: Arquivo.
A jovem Stephane da Conceição foi morta a tiros em Lagoa Grande do Maranhão. Foto: Arquivo.

Os investigadores ainda ouvem testemunhas do crime, e a Polícia Ciivl tem 10 dias para concluir o inquérito sobre o caso.

Leia também:

Jovem de 18 anos é morta a tiros na cidade de Lagoa Grande do Maranhão

De acordo com o delegado Ameida, o suspeito é proprietário de uma loja e oficina de motocicleta e esporadicamente se relacionava com a vítima. No dia do crime, com sinais de embriaguez, ele procurou a jovem para assumir o relacionamento.

No entanto, Stephane acabou recusando o convite e foi alvejada com três tiros. O crime ocorreu nas proximidades da residência da vítima. Outra mulher também levou um tiro de raspão e foi levada para o hospital da cidade. O suspeito fugiu após o crime.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.