Previna-se

Quer se livrar da extração do siso? Saiba como ocorrem as complicações

A dentista Lays Azulay esclarece as causas e como prevenir o problema.
Anne Cascaes/Na Mira 31/08/2018 às 08h37
Quer se livrar da extração do siso? Saiba como ocorrem as complicações

SÃO LUÍS – Os ditados populares afirmam que a dor de cotovelo é um sintoma da inveja. Já uma coceira na mão, pode ser sinal de dinheiro. Mas, há outro problema capaz de causar uma tremenda “dor de cabeça” e não é a enxaqueca: são os dentes do siso!

Quantas pessoas você já viu se queixarem da necessidade de realizar a extração de um dente do siso? O procedimento odontológico é bem comum. Mas, a frequência com que é realizado caminha para o lado oposto do número de pessoas que sabem a causa desse problema e, ainda, como fazer para evitar.

Os dentes do siso podem receber outra denominação: terceiros molares. Especialistas na área odontológica afirmam que é muito comum esses dentes não assumirem sua posição vertical e, por isso, sofrem um impacto definido como mesioangular.

Os terceiros molares, assim como os primeiros e segundos, são fundamentais para a função da mastigação, pois trituram os alimentos. Porém, a função sofre interferência quando os dentes não estão bem posicionados para realizá-la.

Para evitar as complicações causadas pelos dentes do siso, a dentista Lays Azulay faz um alerta sobre a visita periódica ao dentista, com acompanhamento radiográfico, que é fundamental para o melhor diagnóstico e consequente tratamento de sucesso.

“Existe uma outra alteração importante relacionada aos terceiros molares, infecciosa, chamada pericoronarite, que é a inflamação desse capuz de gengiva que recobre o dente mal desenvolvido. Essa inflamação evolui para infecção, geralmente severa, necessitando de intervenção cirúrgica e prescrição medicamentosa” acrescenta Lays.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.