Crítica

Crítico analisa "42 – A história de uma lenda", de Brian Helgeland

Filme conta com Chadwick Boseman e Harrison Ford no elenco.
Em Cartaz23/07/2013 às 12h23

O esporte como fim em si próprio é só a materialização da desprezível política do pão e circo, uma triste realidade que o mesquinho e cômodo mundo contemporâneo não pensa em alterar (basta pensar em quem são os ídolos atuais), mas que histórias de superação como a vista em 42 – A história de uma lenda derrubam enquanto devolvem à prática o nobre papel de inspirar, unir a despeito das diferenças e ainda arrancar algumas lágrimas. Para fazê-lo, no entanto, o diretor e roteirista Brian Helgeland recorre a alguns truques batidos e manipula descaradamente o espectador que, embora ciente disto, ignora os mecanismos graças à força da história do primeiro jogador negro da liga principal do basebol: Jackie Robinson.

Leia mais no blog Em Cartaz.

Para ler mais notícias do Na Mira, clique imirante.com/namira. Também siga o Imirante no Twitter e curta nossa página no Facebook.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.