Criatividade

Revista é inspirada na encantaria maranhense do Tambor de Mina

“Imaginando a Encantaria” é um trabalho do artista visual Waldeir Brito, que está em campanha para financiamento coletivo.

Evandro Júnior/Na Mira

- Atualizada em 08/12/2022 às 11h13
Perspectiva da revista "Imaginando a Encantaria"
Perspectiva da revista "Imaginando a Encantaria" (Foto: Divulgação)

SÃO LUÍS -  “Imaginando a Encantaria” é a primeira campanha de financiamento coletivo de Waldeir Brito, mesmo artista visual que produziu o app do Tarô Maranhense Desta vez, ele traz o projeto de uma revista ilustrada que conta sua história apenas pelas imagens. 

Nela, dá para acompanhar a história do Andarilho por um mundo de fantasia com diversas criaturas e entidades inspiradas na encantaria maranhense do Tambor de Mina. Como o segredo é a lei neste assunto, o artista usa da imaginação e de outras referências culturais para fazer o exercício de imaginar a Encantaria.

A revista terá cerca de 30 páginas e imagens em preto e branco feitas digitalmente com técnicas de hachuras. Será dividido entre os dez desenhos um texto com referências falando sobre o Tambor de Mina e, por fim, esboços e partes do processo criativo por trás das imagens.

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.