Parada Gay

Parada do Orgulho LGBTI+ de São Luís volta à Avenida Litorânea neste domingo (25)

Evento encerra a 17ª Parada do Orgulho LGBTI+ que foi aberta nessa terça-feira (21).

Na Mira

- Atualizada em 21/09/2022 às 09h36
Parada do Orgulho LGBTI+ será na Litorânea como antigamente.
Parada do Orgulho LGBTI+ será na Litorânea como antigamente. (Foto: Arquivo/O Estado)

SÃO LUÍS – Está prevista para este domingo (25) a realização da 17ª Parada do Orgulho LGBTI+ de São Luís, que voltará a preencher a Avenida Litorânea com cores e brilho, para fazer reivindicações e combater o preconceito. 

A concentração está marcada para as 15h na praia de São Marcos e, em seguida, o público caminha até a praça do Pescador. Além do retorno à orla da capital, esta edição é marcada pela retomada após dois anos de atividades suspensas devido à pandemia de Covid-19. 

“Nós iniciamos na Litorânea. A mudança para o Centro Histórico foi por conta da proximidade, da locomoção das pessoas, fica perto de um Terminal [de Integração], o percurso fica menor e com menos possibilidade de confusões. Agora, voltar para a Litorânea é uma forma de festejar esses dois anos que ficamos parados por conta desse grande desafio na nossa vida que foi a Covid-19, que afastou as pessoas, perdemos outras, inclusive militantes. Apesar de todas as dificuldades, estamos superando esse momento e estamos vivenciando essa transição para a volta da rotina normal com eventos e festividades”, afirma o membro fundador do grupo Gayvota e membro da comissão de organização do evento Airton Ferreira.

A Parada do Orgulho fechará com chave de ouro a 17ª Semana do Orgulho LGBTI+, que foi aberta nessa terça-feira (20), no Teatro Arthur Azevedo, no Centro Histórico. Em 2022, o tema é “Sou LGBTI+ e luto pela democracia: nosso voto, nosso orgulho” e a programação contará ainda com debates, atividades artísticas e culturais.

“O tema é exatamente por esse momento crucial de um ano atípico, estamos preparados para voltar ao Brasil que era. É dizer nas urnas que a democracia tem que prevalecer, que as populações de maior vulnerabilidade precisam ter atenção do governo. Nós temos hoje diversas candidaturas LGBTQIA+ que fazem essa defesa no conjunto dos direitos humanos. A luta não está limitada a nós, mas perpassa pela política do idoso, política do adolescente, da juventude, das mulheres, da população negra. É isso que estamos discutindo, uma proposta coletiva, articulada”, detalha Airton Ferreira.

Programação

20 de setembro (terça-feira): abertura no Teatro Arthur Azevedo

22 de setembro (quinta-feira): Prêmio Gayvota no Teatro João do Vale, às 19h

23 de setembro (sexta-feira): Ocupa Nauro Machado, às 16h, com aulão e atrações

25 de setembro (domingo): 17ª Parada do Orgulho LGBTI+ de São Luís, na Av. Litorânea

Organização

O Grupo Gayvota, grupo LGBTI+ mais antigo ainda em atividade, vem durante todos estes anos realizando a semana do orgulho LGBTI+ em São Luís do Maranhão, a ação visa promover o debate acerca dos direitos da referida população, bem como o combate a todas as expressões de LGBTfobia.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.