DETERMINAÇÃO

Nego do Borel é condenado a pagar indenização por zombar de motorista

O que a Justiça de São Paulo entendeu como danos morais custou uma quantia inimaginável (20 mil) ao cantor por ter insultado motorista durante viagem com a Uber.
IMIRANTE.COM21/08/2019 às 20h44
Nego do Borel é condenado a pagar indenização por zombar de motoristaNego do Borel foi condenado a pagar indenização por zombar e insultar de motorista (DIVULGAÇÃO)

BRASIL – O cantor Nego do Borel foi condenado a indenizar, em R$ 20 mil, um motorista do aplicativo de mobilidade Uber por danos morais. O motorista afirma que o músico teria zombado dele durante uma corrida realizado em janeiro do ano passado.

O motorista, Wellington de Oliveira Gomes, acolhido pela 4ª Vara Cível de São Paulo, afirma que durante a corrida realizada em 31 de janeiro de 2018, ele e Nego do Borel haviam iniciado uma conversa e que, entre um assunto e outro, o cantor passou a zombar e insultar dele, além de ter feito imagens suas e, posteriormente, postado-as no Instagram.

Gomes disse, ainda, que alguns conhecidos viram suas imagens na conta de Nego do Borel no Instagram e replicaram-nas em grupos do aplicativo de mensagens WhatsApp, o que lhe expôs e causou vexame e humilhação.

Inicialmente, o motorista pediu 30 mil reais de indenização ao músico pelos insultos que, judicialmente, configuram crime de danos morais e a exposição de sua imagem – feitas pelo cantor sem autorização.

À época, os advogados de Nego do Borel contestaram Wellington, o motorista, mas a juíza a frente do caso concluiu o contrário, e entendeu que o motorista deveria ser indenizado em 20 mil.

A ação do cantor teve “inegável e elevado potencial para ter causado vergonha, indignidade, tristeza e sofrimento ao autor”, disse a juíza Claudia Akemi Okoda Oshiro Kato.

A assessoria do cantor disse que os vídeos publicados por Nego do Borel “em suas redes sociais sempre buscam descontrair os envolvidos e seus seguidores. As filmagens jamais são publicadas com a intenção de submeter quem quer que seja a qualquer constrangimento”.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.