Celebridades

Raul Gazolla se manifesta sobre a morte de Guilherme de Pádua

“O planeta amanheceu melhor e o ar mais limpo”, comentou o ator viúvo de Daniella Perez.

Na Mira

- Atualizada em 07/11/2022 às 11h30
Raul Gazolla se manifesta sobre a morte de Guilherme de Pádua
Raul Gazolla se manifesta sobre a morte de Guilherme de Pádua (Foto: Reprodução)

BRASIL - Com a notícia da morte do assassino da atriz Daniella Perez, Guilherme de Pádua, um dos primeiros famosos e familiares da atriz a se manifestar foi o viúvo Raul Gazolla, que era casado com a atriz quando ela foi assassinada. 

Daniella Perez era filha da autora Glória Perez e era considerada uma estrela em ascensão na década de 90, ao estrelar como Yasmin, na novela "De Corpo e Alma", escrita por sua mãe. Yasmin era par romântico de Bira, interpretado por Guilherme. Por ganância e inveja de perder tempo de tela no horário nobre na TV Globo, Guilherme perseguiu e assassinou Daniella com mais de 18 punhaladas no corpo.

Para a Folha de São Paulo, Raul Gazolla disse que “o planeta amanheceu melhor e o ar mais limpo". "Até o bispo da igreja dele (Márcio Valadão) deu a notícia rindo. Devia ser um tormento para a igreja ter como pastor, um assassino com um ego tão grande quanto seu crime", comentou. 

Raul seguiu falando sobre a morte de Guilherme: "Já foi tarde. Agora tem que acertar as contas com o invertido, o capiroto, o coisa ruim. Vamos seguir em frente e agradecer por estarmos em um mundo melhor hoje", acrescentou o ator.

O bispo do qual Raul comenta, é Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha, mesma igreja de Guilherme, que deu a notícia em suas redes sociais de uma forma que intrigou a web. Com um sorriso no rosto e expressão leve e alegre, Márcio anuncia a morte de Guilherme: "Caiu e morreu, morreu agora, agorinha, agorinha, agorinha, ele acabou de morrer!". 

Durante uma entrevista ao podcast "Inteligência Limitada", com Rogério Vilela, Raul Gazolla já afirmou que ficaria feliz se Guilherme de Pádua morresse. "Eu não tenho o menor interesse em matar eles dois, nenhum. Quero que eles vivam a vida deles da pior maneira possível. [Mas,] se morrerem, vou ficar feliz, não vou ficar triste", comentou, aos risos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.