Povos indígenas

Google faz homenagem à ativista indígena brasileira Rosane Kaingang

Rosane era descendente do povo Kaingang, etnia indígena presente na região Sul do Brasil.

Na Mira, com informações do g1 RS

Ilustração da ativista indígena Rosane Kaingang em homenagem do Google nesta sexta-feira (3) — Foto: Reprodução
Ilustração da ativista indígena Rosane Kaingang em homenagem do Google nesta sexta-feira (3) — Foto: Reprodução

BRASIL - A ativista indígena gaúcha Rosane Mattos Kaingang está sendo homenageada no serviço de busca mais usado no mundo, nesta sexta-feira (3). A página inicial do Google homenageou a ativista com uma ilustração por ser reconhecida mundialmente como defensora dos direitos dos povos indígenas do Brasil.

Rosane Mattos Kaingang — Foto: Divulgação / Funai
Rosane Mattos Kaingang — Foto: Divulgação / Funai

A homenagem foi feita em forma de Doodle, que para o Google representa uma alteração especial por um período de tempo do logotipo principal das páginas iniciais da plataforma para comemorar feriados, eventos, conquistas e figuras históricas notáveis.

Rosane Kaingang nasceu no Rio Grande do Sul, e faleceu em Brasília em 2016, aos 54 anos, vítima de um câncer. A ativista se destacou por ser a primeira mulher indígena a assumir uma coordenação geral na Fundação Nacional do Índio (Funai), e também por ser uma das fundadoras do Conselho Nacional de Mulheres Indígenas do Brasil (Conami) e da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib), no ano de 2009.

No vídeo divulgado pelo Google com a história de Rosane, a empresa enfatiza a luta incansável da ativista pelos direitos dos povos originários do Brasil. "Trabalhou incansavelmente na luta pelos direitos nativos. Ela é uma orgulhosa representação para a comunidade indígena e viveu a sua vida a serviço dos movimentos indígenas", diz a empresa. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.