Enchente em ITZ

Sem recuo no nível do rio Tocantins, famílias ribeirinhas seguem desabrigadas em Imperatriz

Ao todo, 231 famílias estão desabrigadas ou desalojadas na cidade.
Tátyna Viana/Imirante.com08/01/2022 às 10h11
Elevação do nível do Rio Tocantins afeta famílias em Imperatriz. Foto: Diulia Sousa/TV Mirante.

IMPERATRIZ O cenário na manhã deste sábado (8) no porto da Balsa, em Imperatriz, com a cheia do rio Tocantins, é praticamente o mesmo dos últimos dias. A água ainda encobre casas do bairro da Caema e impede que as famílias ribeirinhas atingidas pela enchente retornem às suas casas.

No relatório atualizado da Defesa Civil não houve alteração no número de desabrigados, e 231 famílias estão em sete abrigos da prefeitura ou alojadas na casa de parentes, somando mais de 900 pessoas impactadas pela cheia. Apenas 12 famílias do Parque Alvorada, bairro atingido pela cheia do riacho Cacau, retornaram ainda na quinta-feira (6) para as residências.

Leia mais:

Veja imagens de avenida com banco e lojas em Mirador durante e depois da enchente

Sobe para 695 número de famílias desabrigadas ou desalojadas após enchentes no MA

Saiba como ajudar atingidos pelas enchentes no interior do Maranhão

O monitoramento do nível do rio Tocantins apresentou alteração de apenas 2cm, com elevação de 9.77 metros acima do marco zero, que indica estabilidade nas últimas 48 horas.

De acordo com o superintendente da Defesa Civil, além do cenário de cheia que não permite o retorno das famílias, a previsão é de chuvas intensas na região até 20 de janeiro.

Em decreto publicado ontem, a Prefeitura de Imperatriz também declarou situação de emergência no município em razão das fortes chuvas na cidade, desde a última quinzena do mês de dezembro.

O monitoramento do nível do rio Tocantins apresentou alteração de apenas 2cm Foto: Diulia Sousa/TV Mirante.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.