Homicídios

Disputa entre facções termina com quatro assassinatos em Imperatriz

Após os confrontos, a polícia efetuou prisões e apreendeu arma de fogo.
Imirante.com10/02/2020 às 08h11
Disputa entre facções termina com quatro assassinatos em Imperatriz Quatro pessoas foram mortas, e três sofreram tentativas de homicídio, em Imperatriz. ( Foto: Reprodução / Imirante.com)

IMPERATRIZ – O fim de semana em Imperatriz foi marcado por muita violência. Quatro pessoas foram assassinadas, e três sofreram tentativas de homicídio. Os crimes teriam acontecido após confrontos entre integrantes de duas facções criminosas.

Na noite de sábado (8), três pessoas foram baleadas, e uma morreu durante um tiroteio no residencial Recanto Universitário. A vítima identificada apenas como Gabriele acabou não resistindo aos ferimentos.

A morte da jovem teria causado um segundo confronto no bairro Recanto Universitário, onde um homem, identificado apenas por Magno, foi morto a golpes de faca. Depois disso, na noite de domingo (9), aconteceram outros confrontos, com tiroteios nos bairros Santa Inês e Vila Macedo.

Os faccionados, três homens e duas mulheres, segundo os levantamentos policiais, roubaram um táxi por volta das 20h30. Com o taxista vendado no banco de trás, o grupo foi até a Vila Macedo onde promoveu um tiroteio que deixou dois homens feridos. As vítimas foram socorridas por populares e levadas para o hospital.

Logo em seguida, o grupo no táxi passou pelo bairro Santa Inês, onde baleou dois irmãos, Jonas e Rafael Ribeiro do Nascimento Silva. Jonas foi alvejado nas costas e morreu no local, já Rafael foi socorrido pelo Samu e levado para o Hospital Municipal de Imperatriz (HMI), onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu e também morreu.

Prisões

Policiais fizeram incursões e conseguiram interceptar o veículo, tomado de assalto, na avenida Jacob. Um casal foi preso, e um revólver calibre 38, apreendido. O taxista estava encapuzado no banco de trás do gol.

Também foram presos os suspeitos da morte da jovem no Recanto Universitário e apreendida uma arma caseira conhecida como garrucha com uma munição calibre 32 e duas de revólver calibre 38.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.