Violência contra mulher

MP recomenda capacitação de policiais no atendimento às mulheres

A demora no atendimento é uma das reclamações.
Imirante Imperatriz,com informações da assessoria08/07/2015 às 15h10
MP recomenda capacitação de policiais no atendimento às mulheres Foto: Reprodução/Internet

IMPERATRIZ - A 8ª Promotoria de Justiça Especializada da Comarca de Imperatriz, expediu Recomendação ao governo do Estado para que promova, em 60 dias, a capacitação dos profissionais da Polícia Civil e Militar, na comarca de Imperatriz, sobre as questões de igualdade de gênero.

De acordo com o promotor de Justiça Joaquim Ribeiro de Souza Junior, autor da Recomendação, o Ministério Público (MP) tem recebido constantes reclamações sobre o tratamento dispensado pelos policiais civis e militares às mulheres vítimas de violência.

Entre as principais reclamações estão a demora, recusa ou tentativa de impedir o registro de boletins de ocorrência. Ainda segundo o promotor, algumas vítimas também reclamam que os depoimentos são tomados de forma incompleta.

O promotor lembra ainda que, a Lei Maria da Penha determina a capacitação periódica dos profissionais da Polícia Civil e Militar, sobre questões de gênero.

O MP afirma que, caso a Recomendação não seja efetivada, poderá adotar as medidas legais necessárias a fim de assegurar a sua implementação, inclusive por meio de eventual ajuizamento de Ação Civil Pública.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.