Na Série B

"Rodízio" em defesa atrapalha e Sampaio sofre gol em todos os jogos

Léo Condé não conseguiu repetir defesa em seis partidas.

Eduardo Lindoso / Imirante Esporte

- Atualizada em 10/05/2022 às 11h13
Sampaio Corrêa foi superado pelo CRB
Sampaio Corrêa foi superado pelo CRB (Ronald Felipe / Sampaio Corrêa)

SÃO LUÍS – Em uma época que se debate bastante no futebol o rodízio de jogadores e não necessariamente uma “equipe titular”, o Sampaio Corrêa tem sofrido bastante justamente com a falta de repetição de uma equipe, principalmente no sistema defensivo. Sem conseguir repetir sua defesa em nenhuma das seis partidas que fez nesta Série B, Léo Condé viu seu time sofrer gol em todos jogos e ser uma das mais vazadas na competição. Essa irregularidade, principalmente em casa, já custou posições na classificação e Bolívia Querida vai para sua segunda rodada na zona de rebaixamento.

LEIA MAIS 

CRB bate Sampaio Corrêa e vence a primeira na Série B

CRB 2x1 Sampaio: veja os melhores momentos do jogo pela 6ª rodada

A derrota por 2 x 1 para o CRB, na noite deste segunda-feira (9), foi a terceira do Sampaio Corrêa, em seis jogos. O time ainda soma dois empates e apenas uma vitória. Em todos esses jogos, o time treinador por Léo Condé foi vazado. Tirando o lateral-esquerdo Pará, que atuou na estreia, mas se lesionou em seguida no Estadual, todos os defensores se revezaram em suas respectivas posições.

Por opções do treinador, cartões e problemas físicos e médicos, Pedro, Joécio, Nilson Jr. tem se revezado no miolo de zaga, enquanto Alan Godói segue lesionado. Na lateral-direita, Mateusinho é unanimidade, mas as vezes é deslocado para atuar no meio de campo ou fica de fora por suspensão. Maurício e Thiago Ennes são opções, mas não têm rendido o esperado. Na lateral-esquerda, até sofrer uma lesão na costela na final do Campeonato Maranhense, Pará figurava como o dono da posição. Seu substituto, Lucas Hipólito não é unanimidade e contra o CRB perdeu a vaga para João Victor, que voltou recentemente de lesão. Neste setor, apenas o goleiro Luiz Daniel atuou em todos os jogos. O quarteto defensivo nunca foi repetido.

Sem nenhuma vitória fora de casa, e três derrotas seguidas, o Sampaio atuou também três vezes em São Luís e só bateu o Brusque, empatando com Operário e Tombense, time que ainda não venceu ninguém nesta Série B.

Com cinco pontos, o Sampaio Corrêa é o primeiro time a aparecer na zona de rebaixamento, na 17ª posição. Na próxima rodada, a Bolívia Querida recebe o Vila Nova, no sábado (14), às 18h30, no estádio Castelão, em São Luís. Essa partida terá transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte.



 



 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.