Série C

João Brigatti analisa estreia no Sampaio Corrêa e diz que temeu por vexame contra o Confiança

O Tricolor chegou aos 15 pontos, mas continua fora do G4 do Grupo 1 da Série C.
Gustavo Arruda / Imirante Esporte01/07/2019 às 00h45
João Brigatti analisa estreia no Sampaio Corrêa e diz que temeu por vexame contra o ConfiançaJoão Brigatti, técnico do Sampaio Corrêa. (Biné Morais / O ESTADO)

SÃO LUÍS – Contratado para comandar o Sampaio Corrêa no segundo turno da fase de grupos do Campeonato Brasileiro Série C, o técnico João Brigatti não teve uma estreia dos sonhos na Bolívia Querida. Em duelo válido pela 10ª rodada da Terceirona e disputado na noite deste domingo (30), no Estádio Castelão, o Tricolor teve dificuldades diante do Confiança, teve que se contentar com um empate por 1 a 1 e continua fora da zona de classificação para as quartas de final da competição nacional.

Em entrevista à rádio Mirante AM, João Brigatti admitiu o temor por um vexame em sua estreia como treinador do Sampaio Corrêa, por causa da atuação abaixo das expectativas no primeiro tempo, e deixou claro que o Tricolor precisa de vários ajustes, tanto na parte física quanto na parte técnica, para voltar a ser competitivo na Série C, principalmente nos jogos em casa, onde a obrigação de vitória é maior. Brigatti também destacou a evolução do Sampaio no segundo tempo e a disposição dos atletas tricolor em melhorar o desempenho para as próximas partidas na Terceirona.

“Pelo jeito que a equipe se comportou no primeiro tempo, o resultado é um alento para nós. Me preocupei bastante, principalmente com a questão da intensidade. Quando você joga aqui no Castelão, com esse campo, ou você está muito bem de perna, ou você “arreia” e perde o jogo. O Sampaio sempre vem para propor o jogo, e o adversário (Confiança), que não é bobo e tem um treinador qualificado (Daniel Paulista), ficou simplesmente na espera, com desgaste menor. Tem que estar bem preparado e equilibrado para não passar vergonha. Hoje, no primeiro tempo, pensei que a gente ia passar vergonha. No segundo tempo, melhoramos, empatamos, tivemos chances para virar. Conversei com eles (atletas) que a gente consegue reverter isso, mas tem que ter entendimento e aceitação. Com esse pensamento, vamos começar um trabalho muito forte”, disse Brigatti.

Com 15 pontos em 10 partidas, o Sampaio Corrêa está na quinta colocação do Grupo 1 da Série C, atrás do quarto colocado Confiança por ter saldo de gols inferior ao time sergipano. O próximo compromisso da Bolívia Querida na Terceirona será no próximo sábado (6), às 20h, contra o Botafogo (PB), no Estádio Almeidão, com transmissão da rádio Mirante AM e cobertura completa do Imirante Esporte.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.