Handebol

Quarta edição do São Luís Open de Handebol entra na reta final

A competição começou no dia 21 de abril e termina no dia 1º de maio, no ginásio do Ipem Calhau.
Imirante Esporte, com informações da Assessoria27/04/2018 às 20h53
Quarta edição do São Luís Open de Handebol entra na reta finalSão Luís Open de Handebol está sendo realizado no Ginásio do Ipem Calhau. (Iori Filmes)

SÃO LUÍS - No segundo fim de semana de disputas do 4º São Luís Open de Handebol - Troféu Professor Mangueirão, a competição entra na fase decisiva para definir os semifinalistas. Nesta sexta-feira (28), ocorrem as semifinais da categoria Juvenil Feminino, no ginásio do colégio Máster, no bairro Filipinho. A rodada abre às 19h com Aesf x Barbosa de Godóis (time B), e em seguida o Audax encara o time invicto do Barbosa de Godóis (time A). No sábado (28) e domingo (29), os confrontos serão no Ginásio do Ipem Calhau, a partir das 8h, com disputas no horário da tarde e início da noite. Ao todo serão 30 jogos no sábado e domingo.

No sábado (28), pela manhã, ocorrem as quartas de finais do juvenil masculino. A rodada deste fim de semana também marca a estreia da categoria máster, inclusive com equipes de outros Estados: o GHC de Teresina -PI (vice-campeã da Copa Maranhão Master de Handebol) e AABB de Belém - PA, além da participação da equipe ''Lençóis MHC de Barreirinhas. O torneio tem a participação de 35 equipes divididas em 3 categorias (juvenil, adulto e máster), no feminino e masculino.

O São Luís Open serve como preparação para os Jogos Escolares Maranhenses (JEMS) e competições nacionais, além de promover um encontro de gerações do esporte e ajudar a revelar talentos para o handebol nacional. No ano passado, dez atletas do Barbosa de Godóis e três da equipe Audax-MA foram convocados para o Acampamento Nacional de Handebol, que seleciona atletas para as categorias de base da seleção brasileira da modalidade.

"A competição é aguardada por todos porque movimenta o esporte na cidade, sendo uma vitrine para mostrar o nosso handebol. Tudo isso ajuda na convocação para a seleção maranhense. E depois buscar uma vaga na seletiva nacional. Já tive a chance de integrar a categoria cadete da seleção brasileira. Foi uma excelente experiência", comemora Isaac Anderson, 15 anos, atleta do Barbosa de Godóis.

Vale lembrar que o Maranhão já revelou nomes de peso para a seleção brasileira, como a armadora Silvia Helena. No 4º São Luís Open, ela compete na categoria adulto pelo Instituto Silvia de Handebol (ISDH).

Competição tradicional na ilha, o São Luís Open de Handebol é organizado por um grupo de amigos do handebol, a Tamagoshi Eventos. Neste ano, o evento homenageia o Professor Mangueirão, defensor do esporte e campeão com a seleção maranhense, enquanto atleta e técnico. Atualmente, ele é coordenador da APAE e do ParaJems.

Equipes e categorias:

- Equipes Juvenil Feminino (chave única): Aesf; Audax/ MAC; BGH/CEMAR/ MA time A; BGH/CEMAR/ MA time B

- Equipes Juvenil Masculino (chave A): Aesf/ Mover; BGH/CEMAR/ MA time A; BGH/CEMAR/ MA time B

- Equipes Juvenil Masculino (chave B): Liceu Maranhense; Sportivus/ Indica; Audax MA/MAC

- Adulto Feminino (chave A): Batom; Audax MA/Mac; BGH/ CEMAR/Uninassau;

- Adulto Feminino (chave B): ISDH (Instituto Silvia de Handebol); AABB/ Belém; AESF (Associação Esportiva São Francisco)

- Adulto Masculino (chave A): São Luís HC; Lençóis MHC; AABB/ Belém; Mover HC; Audax/ MAC

- Adulto Masculino (chave B): Aesf; Real HC; Reinch; LHC; BGH/ UNINASSAU/ CEMAR

- Master Masculino (chave A): AABB/ Belém; Hand Rover; GHC Máster

- Master Masculino (chave B): H Master; Reinch; Multiservice MH

- Master Feminino (chave única): AABB/ Belém; Cubanas HC e Rei de Franças HC/ CST

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.