Futebol

Ramires projeta evolução em 2020 e exalta pré-temporada do Palmeiras

Volante também fez elogios a Vanderlei Luxemburgo, novo comandante alviverde.
Imirante Esporte, com informações da Agência Palmeiras07/01/2020 às 23h15
Ramires projeta evolução em 2020 e exalta pré-temporada do PalmeirasRamires, volante do Palmeiras. (Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação)

SÃO PAULO - Ramires possui uma trajetória invejável no futebol mundial. Vencedor da Liga dos Campeões da Europa (2011/12) com o Chelsea-ING e com passagem marcante pela Seleção Brasileira, que culminou com o título da Copa das Confederações de 2009 e a disputa de duas Copas do Mundo (2010 e 2014), o jogador de 32 anos vê com otimismo o ano de 2020. Apesar de ter chegado ao Palmeiras no meio de 2019, o atleta reconhece a importância de realizar uma pré-temporada para apresentar um bom rendimento dentro de campo.

“O ano de 2019 não foi um ano muito bom para mim, mas já começo 2020 treinando normalmente com a equipe e não sentindo nada da lesão que eu tive. Lógico que me cobro todos os dias para eu voltar a jogar bem. Tudo partirá da pré-temporada. Estou procurando fazer o melhor nos treinos para que eu realmente possa jogar mais, voltar ao ritmo e ajudar os companheiros em campo”, afirmou o atleta, que, juntamente com Luiz Adriano, permaneceu uma semana a mais na Academia de Futebol em dezembro da temporada passada para iniciar 2020 sem nenhum problema físico.

“Os companheiros já tinham o desgaste da temporada toda, e eu acabei me machucando. Creio que essa semana que ficamos a mais foi importante para voltarmos agora e trabalharmos juntos com a equipe normalmente, sem fazer trabalho à parte”, disse.

Antes de chegar ao Palmeiras, Ramires passou por Joinville (2005-2007), Cruzeiro (2007-2009), Benfica-POR (2009-2010), Chelsea-ING (2010-2015) e Jiangsu Suning-CHI (2016-2019). No Cruzeiro, ainda jovem, ele se apresentou ao futebol brasileiro com grandes atuações, duas conquistas do Campeonato Mineiro (2008 e 2009) e um vice da Conmebol Libertadores de 2009. Mas foi no Benfica-POR e no Chelsea-ING que o jogador se consagrou internacionalmente ao levantar inúmeros troféus e se firmar na Seleção.

No Palmeiras, Ramires quer aproveitar a experiência do técnico Vanderlei Luxemburgo para aumentar a lista de títulos conquistados na carreira. “Quando você tem uma convivência com ele, é uma coisa impressionante. Procurarei ouvi-lo porque ele vai me ajudar bastante, ele sabe muito de futebol. Não ganhou o que ganhou à toa, ele trabalhou e tem méritos. Tem de ser respeitado e tem tudo para fazer um grande trabalho”, falou, valorizando as primeiras conversas com o comandante do clube.

“Ele já trabalhou com bastante jogadores do elenco. Esse primeiro contato é importante para que a gente entenda o que ele quer de nós, está sendo importante o dia a dia. Temos de procurar fazer o melhor para a gente se adaptar o mais rapidamente possível”, declarou.

Por fim, Ramires também comentou sobre os jovens que foram promovidos das categorias de base ao time profissional do Palmeiras. “É importante dar essa liberdade, mas cobramos na hora que tem de cobrar. São garotos e eles nos ajudarão bastante. Nós, quando subimos da base, queríamos suporte de quem era mais experiente para as coisas acontecerem naturalmente. É importante fazer isso com os meninos”, finalizou o volante.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.