Campeonato Brasileiro

Raphael Veiga mira sequência de jogos e prevê ano vitorioso no Palmeiras

Meia disputou oito partidas e marcou dois gols pelo Alviverde nesta temporada.
Imirante Esporte, com informações da Agência Palmeiras10/05/2019 às 21h12
Raphael Veiga mira sequência de jogos e prevê ano vitorioso no PalmeirasRaphael Veiga, meia do Palmeiras. (Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação)

SÃO PAULO - De volta ao Palmeiras depois de uma ótima passagem por empréstimo pelo Athletico-PR no ano passado, inclusive com o título da Conmebol Sul-Americana, Raphael Veiga está em busca da tão sonhada sequência de partidas com a camisa alviverde. Com oito jogos e dois gols em 2019, o jovem de 23 anos vê com otimismo o seu futuro no clube, principalmente pela qualidade do elenco palestrino.

“(O elenco qualificado) é bom para o meu crescimento e para o crescimento de cada atleta porque eleva o nível dos treinamentos. Isso ajuda muito. Claro que todo mundo quer jogar, brigar por posição, mas essa questão de sequência vai muito da comissão técnica. Temos de treinar e esperar a oportunidade”, declarou o meio-campista, citando a importância de se apresentar bem nas atividades dentro da Academia de Futebol.

“Acredito que, para o Felipão se sentir mais seguro, temos de demonstrar nos treinos. E, para conseguir outras oportunidades, depende do que você rende no jogo. Antes de mais nada, tenho me esforçado nos treinos, sempre no limite. Conforme a gente treina, ele se sente mais seguro para colocar no jogo, e aí você vai ganhando oportunidades”, falou.

De acordo com Veiga, o período de empréstimo no Athletico-PR também colaborou para a sua evolução profissional. “No fim de 2017, eu achei que era o momento de sair para ter sequência e jogar. Embora tenha sido uma decisão difícil, foi uma boa escolha porque me ajudou muito. Neste ano, eu achei que era o momento de voltar. Tiveram algumas sondagens, até por causa do título (da Conmebol Sul-Americana), mas achei que era o momento de voltar”, contou o atleta, que acredita em uma temporada com sucesso no Palmeiras.

“Um elenco desse tamanho é importante, a gente disputa muitos campeonatos. Ninguém consegue disputar todos os jogos. Claro que eu sempre quis jogar, mas não era desse jeito que eu estava buscando o meu espaço, com alguém se machucando. Penso que o Palmeiras montou o elenco pensando em tudo isso, por isso temos jogadores para substituir”, disse. “A tendência é dar certo (tendo um rodízio de jogadores no time titular). Temos muitos campeonatos, esse rodízio nos ajudará e teremos um ano vitorioso pela frente”, concluiu.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.