Brasileirão

Botafogo tenta manter vivo o sonho da Libertadores contra o Cuiabá

Glorioso recebe o Cuiabá às 19h no Estádio Nilton Santos.

Gazetapress

Cláudio Castro, técnico do Botafogo, em treino no CT do clube
Cláudio Castro, técnico do Botafogo, em treino no CT do clube (Vítor Silva/Botafogo)

Rio de Janeiro - O Botafogo ainda sonha com uma vaga na próxima Copa Libertadores. Para manter o sonho vivo vai precisar derrotar o Cuiabá nesta terça-feira, às 19h(de Brasília), no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso, embalado pelo triunfo de 2 a 1 sobre o Bragantino, soma 47 pontos, três a menos que o São Paulo, que fecha o G-8.

O Cuiabá tem planos bem mais modestos nesta reta final de temporada. O time do Mato Grosso, que ganhou fôlego com o triunfo por 1 a 0 sobre o Avaí, tem 34 pontos e precisa se distanciar da zona de rebaixamento.

Luís Castro, treinador do Botafogo, trabalha para manter vivo o desejo da Libertadores. “Tenho o hábito de olhar para frente mesmo quando muitos falam o contrário. Dizia isso quando falavam que o Botafogo lutava contra o rebaixamento e vou continuar assim”, disse ele.

O português deve contar com o retorno do volante Lucas Fernandes, recuperado de um quadro de desgaste muscular. Mas não há certeza de que ele será titular. O mais provável é a manutenção de um esquema com quatro atacantes.

Pelo lado do Cuiabá, o técnico António Oliveira trabalha para tirar a pressão do seu time. “O Cuiabá é um time que vem crescendo, mas não podemos comemorar nada. Não podemos pensar em pressão, em sair agora da zona de rebaixamento, uma vez que o importante é não estar nela após a última rodada. O pensamento é em fazer um grande jogo”, disse ele.

O treinador não quis antecipar a escalação que pretende mandar a campo, pois tem por hábito fazer algumas alterações conforme o estilo de jogo. Assim só vai divulgar quem joga minutos antes do confronto.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO-RJ X CUIABÁ-MT

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1 de novembro de 2022 (Terça-feira)
Horário: 19h(de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Leirson Peng Martins (RS)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (Fifa-SP)

BOTAFOGO

Gatito Fernández, Daniel Borges, Adryelson, Víctor Cuesta e Marçal; Tchê Tchê e Gabriel Pires; Jeffinho, Júnior Santos, Tiquinho Soares e Víctor Sá
Técnico: Luís Castro

CUIABÁ

Walter, João Lucas, Marllon, Alan Empereur e Igor Cariús; Marcão Silva, Rafael Gava, Pepê e Lucas Cardoso; Felipe Marques e André Luís
Técnico: António Oliveira

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.