Brasileirão

Botafogo tenta manter tranquilidade em visita ao Atlético-GO

Glorioso soma três pontos e se vencer poderá encostar no primeiro pelotão.

Gazetapress

Chay, atacante do Botafogo na preparação da equipe
Chay, atacante do Botafogo na preparação da equipe (Vítor Silva/Botafogo)

Goiânia - Vivendo um momento de tranquilidade após a vitória de 3 a 1 sobre o Ceará na rodada passada, o Botafogo viu o bom momento continuar com os 3 a 0 sobre o Ceilândia na estreia na Copa do Brasil. Agora a tentativa é manter o bom momento em visita ao Atlético-GO. As duas equipes se enfrentam neste domingo, às 18h30(de Brasília), no Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO), pela terceira rodada do Brasileirão.

O Glorioso soma três pontos e se vencer poderá encostar no primeiro pelotão. Já o Dragão busca a primeira vitória na competição. Com apenas um ponto a ordem é se recuperar da goleada de 4 a 0 sofrida para o Bragantino.

Luís Castro, treinador do Botafogo, sabe como os bons resultados são importantes para que ele possa ir encontrando seu time ideal com mais tranquilidade. Mas garante que o objetivo não é um Botafogo com a sua cara.

- O Botafogo não vai ter a cara do Luís Castro e sim a sua própria cara. Sou apenas mais um trabalhando pelo clube. Mas claro que queremos sempre o melhor resultado possível, pois a tranquilidade permite nosso trabalho fluir melhor - disse ele.

O treinador terá reforços para este jogo. Ele terá o retorno do goleiro Gatito Fernández, preservado no Distrito Federal por conta de um desgaste muscular. Assim ele ocupa a vaga de Diego Loureiro. Outra boa notícia é que Victor Sá, que sofreu entorse no tornozelo direito diante do Ceilândia, estará à disposição para formar o ataque com Erison.

O volante Luís Oyama, que não participou do jogo com o Ceilândia por ter defendido o Mirassol na Copa do Brasil, voltará ao time. Pelo mesmo motivo, o zagueiro Victor Cuesta, ex-Internacional, também poderá ser relacionado. Mas não começa jogando. O desfalque fica por conta do volante Barreto, que ainda sente dores no tornozelo direito e fará mais exames. O atleta foi substituído no início do duelo contra o Ceilândia.

Pelo lado do Atlético, o técnico Umberto Louzer espera um jogo mais perto da perfeição.

- Estamos jogando competições de alto nível e os detalhes fazem a diferença. Espero que a gente possa fazer um belo jogo contra o Botafogo - disse Louzer.

O treinador do Dragão não evelou a escalação que pretende mandar a campo, pois ela vai depender também do desgaste causado no empate por 1 a 1 com o Cuiabá, no meio de semana, pela terceira fase da Copa do Brasil.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO X BOTAFOGO-RJ

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)
Data: 24 de abril de m2022 (Domingo)
Horário: 18h30(de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa-SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (Fifa-SP)

ATLÉTICO: Luan Polli, Dudu, Wanderson, Edson e Jefferson; Gabriel Baralhas, Marlon Freitas, Shaylon e Jorginho; Léo Pereira e Wellington Rato
Técnico: Umberto Louzer

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Renzo Saravia, Philipe Sampaio, Kanu e Daniel Borges; Luís Oyama, Patrick de Paula, Chay e Lucas Piazon; Victor Sá e Erison
Técnico: Luís Castro

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.