Mais uma prisão

Prefeito de Davinópolis é preso suspeito de ser um dos mandantes da morte de Ivanildo Paiva

Rubem Firmo (PCdoB) assumiu, no dia 13 de novembro, a frente do município.
Imirante.com, com informações da Mirante AM31/12/2018 às 08h58
Prefeito de Davinópolis é preso suspeito de ser um dos mandantes da morte de Ivanildo PaivaIvanildo Paiva, assassinado em novembro, e Rubem Firmo, atual prefeito preso. ( Foto: Reprodução)

DAVINÓPOLIS – O atual prefeito de Davinópolis, José Rubem Firmo (PCdoB), foi preso na manhã desta segunda-feira (31), suspeito de ser um dos principais mandantes do assassinato de Ivanildo Paiva (PRB).

A polícia cumpriu mandado de prisão e de busca e apreensão. Também foi requerida a suspensão do exercício do cargo, e o presidente da Câmara irá assumir o comando do município. Rubem Firmo, que era o vice, assumiu, no dia 13 de novembro, a frente da prefeitura de Davinópolis após a morte de Ivanildo Paiva.

Veja também:

Preso sétimo suspeito de participar do assassinato de Ivanildo Paiva

Polícia prende PMs suspeitos de assassinar prefeito Ivanildo Paiva

Assassinato do prefeito Ivanildo Paiva: polícia descarta latrocínio

Delegado confirma assassinato do prefeito Ivanildo Paiva; corpo foi achado hoje

Chega a oito o número de suspeitos presos pelo assassinato de Ivanildo Paiva, que foi encontrado morto na manhã de 11 de novembro de 2018.

Foi preso, na noite de quarta-feira (26), Antônio José Messias, apontado como um dos mandantes do crime. No último dia 20, Carlos Ramiro Lima Ramos, conhecido como Léo, se apresentou acompanhado por seu advogado na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Imperatriz. Em seguida, o suspeito foi encaminhado para a Unidade Prisional de Ressocialização (UPR).

Antes da prisão de Carlos Ramiro, a Polícia Civil cumpriu mandados contra os seguintes suspeitos: Francisco de Assis Bezerra Soares, conhecido como "Tita", que é policial militar no Pará e foi preso em Dom Elizeu (PA); José Denilton Guimarães, conhecido como "Boca Rica", que é mecânico; Willame Nascimento da Silva, policial militar do Maranhão lotado em Grajaú; Jean Dearlen dos Santos, o "Jean Listrado", que segundo as investigações é pistoleiro; e Douglas da Silva Barbosa, de 22 anos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.