Após mais de 8h de sequestro em Chapadinha

Bandidos libertam reféns e se entregam à polícia

Apesar do trauma de ficarem sob o domínio de bandidos, as idosas saíram ilesas.
Liliane Cutrim/Imirante.com*17/10/2016 às 17h55

CHAPADINHA – Após mais de 8h do sequestro de três idosas de 60, 65 e 90 anos na cidade de Chapadinha, os criminosos finalmente libertaram as reféns e se entregaram à polícia.

Apesar do trauma de ficarem horas sob o domínio de bandidos, as idosas saíram ilesas.

Entenda o caso: Bandidos mantêm idosas reféns na cidade de Chapadinha

Segundo informações do jornalista Luís Carlos, da rádio Mirante AM, em Chapadinha, que acompanhou todo o caso na cidade, os bandidos só saíram após receberem coletes à prova de balas e algemas, além de contar com a presença de dois advogados, da imprensa e da mulher de um dos assaltantes.

O juiz Cristiano Simas acompanhou a negociação e autorizou, a pedido dos assaltantes, que eles fossem encaminhados para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas em São Luís, em vez de irem para o Centro de Detenção Provisória de Chapadinha, já que corriam risco de serem atacados pela população.

Os bandidos, ainda não identificados, foram levados em um carro da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária. Após entrarem no veículo da secretaria, a população tentou atacar os bandidos, mas foi contida pela polícia.

O fim do sequestro foi dramático, pois os criminosos temiam que o acordo feito com a Segurança Pública fosse descumprido assim que eles se entregassem. No entanto, a negociação foi concluída de forma favorável.

O jornalista Luís Carlos acompanhou, ao vivo, o fim do sequestro. Ouça como foi o momento dramático:

*Com informações da Mirante AM.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.