Dia Internacional da Mulher

"Sempre fui extremamente feminina", declara Pabllo Vittar

Cantora pop drag maranhense fala sobre a carreira e sua inserção no universo feminino.
Liliane Cutrim/Imirante.com08/03/2017 às 13h08

A cantora pop drag maranhense, Pabllo Vittar, está fazendo muito sucesso no Brasil a fora. Com sua grande feminilidade, a cantora chama a atenção pelo estilo e talento incrível. e no Dia Internacional da Mulher, o Na Mira conversou com a cantora, para saber como é fazer parte do universo feminino e quais os desafios da mulher moderna.

Veja a entrevista que Pabllo Vittar deu para a repórter Liliane Cutrim.

Desde quando você se percebeu feminina? O que provocou essa descoberta?

Sempre fui extremamente feminina, desde criança, então não tive essa "descoberta", foi tudo super natural.

Por que decidiu ser drag?

Sempre amei tudo que é padrão do universo feminino mas foi só quando assisti ao reality RuPaul´s Drag Race pela primeira vez que tive vontade de me montar. Depois disso foi um pulo para comprar algumas makes, correr em tutoriais de maquiagem no Youtube e me jogar em frente ao espelho.

Leia também:

VÍDEO: com Todo Dia, Pabllo Vittar e Daniela Mercury encantam Salvador

Pabllo Vittar: novo videoclipe supera um milhão de views no YouTube

Passar por essa transformação foi algo fácil ou complicado, por quê?

Pra responder essa pergunta antes é preciso deixar claro que não sou uma mulher trans, ok? Sou um menino gay afeminado! Falado isso, foi super fácil, sempre gostei de passear entre o universo masculino e o feminino, nunca vi uma barreira entre os dois, então até hoje tenho isso comigo, não tenho uma linha entre um e outro, passeio pelos dois lados sempre.

Você fez algum tipo de cirurgia para se tornar mais feminina?

Não! Nunca fiz nenhuma cirurgia! Morro de medo. hahaha.

Você prefere ser chamado de ELE ou ELA? Por quê?

Pra mim não me importa! Pode me chamar de ela ou de ele que vou atender da mesma maneira. Pode parecer confuso, mas é que não estou presa a nenhum deles.

Há quanto tempo começou a sua carreira como cantora pop? Por que escolheu essa carreira? Era algo que sonhava ser na vida?

Começou há pouco mais de 1 ano! Minha primeira música foi lançada em outubro de 2015 e sigo trabalhando sem parar desde então! Meu sonho sempre foi ser cantora, desde muito pequena. Lembro de sempre pedir pra minha mãe me levar na Igreja para que eu pudesse cantar!

Leia também:

La La Land e novo CD da Pabllo Vittar são destaque do Clube na Mira desta semana

Do Maranhão ao Brasil: Drag Pabllo Vittar faz show no Réveillon de São Luis

Como foi o seu início de carreira em relação à aceitação do público?

Foi ótima! Assim que lancei o EP comecei uma tour que não parou por mais de 1 ano. Eram pelo menos dois shows por semana no Brasil todo! Acho que os únicos estados que não passei com a Open Bar Tour foi no Acre e em Roraima.

E sua família, te aceita e respeita sua opção de vida e sua carreira?

Minha família me apóia em tudo e puxa a minha orelha quando precisa! Mas quanto a minha sexualidade e carreira elas (minha mãe e minhas irmãs) estão sempre ao meu lado e me apoiando em tudo.

Bem, você é muito feminina. Em sua opinião, quais os maiores desafios da mulher moderna?

Acho que os maiores desafios da mulher moderna é conquistar seu espaço com equidade. As mulheres não devem mais receber propostas salariais menores apenas por serem mulheres, não devem ter as atividades dentro da casa só pra ela, não deve educar e criar seus filhos sem a presença efetiva dos pais, não devem sentir medo de serem estupradas ao andar na rua e mais um monte de coisa. Mas passo a passo vemos as mulheres cada vez mais empoderadas e brigando por seus direito e isso é lindo.

O que para você é mais importante no universo feminino?

Menina, essa pergunta é muito difícil! O que me encanta no universo feminino são as milhões de faces que ele tem. É a soma das mais diversas características do feminino que me faz ser tão encantada por esse universo.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2017 - Todos os direitos reservados.