IMPERATRIZ
Em audiência de custódia

Justiça manda soltar jovem que foi preso em flagrante por estupro em Imperatriz

  •  
  •  

Agnaldo Júnior foi solto no período da tarde.

0
Justiça manda soltar jovem que foi preso em flagrante por estupro em Imperatriz

IMPERATRIZ – Em audiência de custódia realizada na tarde desta segunda-feira (30), o juiz Marco Antonio Oliveira, da 2ª Vara Criminal da comarca de Imperatriz, decidiu mandar soltar o jovem Agnaldo Júnior Rodrigues que havia sido preso e autuado em flagrante pelo crime de estupro.

A ordem de soltura, por sinal contida no documento da audiência, se deu cerca de dez horas após a prisão do suspeito.

O magistrado entendeu que Agnaldo Júnior não representa perigo para a sociedade, possui residência fixa, é “réu” primário e não possui antecedentes criminais.

Agnaldo Júnior foi preso pela Polícia Civil após uma jovem ter procurado o Plantão Central da Polícia Civil e “denunciado” o jovem de estupro. Ela disse à policia que o jovem deu uma carona para ela de uma festa, mas no caminho a levou para a casa dele onde teria acontecido a violência sexual.

Diante da queixa, a Polícia Civil, segundo o delegado regional Eduardo Galvão, mandou fazer os exames de praxe nesse tipo de caso, cujos resultados apontaram que a jovem foi violentada, e inclusive sofreu esganadura, e ficou inconsciente durante o ato.

Pouco tempo depois os policiais localizaram e prenderam o rapaz, que negou a violência. Disse em depoimento que a relação sexual existiu, mas foi consensual.

Para o delegado regional, não há dúvidas sobre o abuso, situação que resultou na lavratura do auto de prisão em flagrante para o jovem, que chegou a ser transferido para uma unidade prisional até o período da tarde quando participou da audiência de custódia e foi liberado para responder pelo crime em liberdade. O jovem vai ter de obedecer algumas regras como comparecer periodicamente à Justiça, e se manter afastado 700 metros da vítima.

Leia outras notícias em imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, Snapchat, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no YouTube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2383.

plantão i

    enquete

    VOTE QUANTAS VEZES QUISER!

    O que você acha necessário para reduzir os índices de criminalidade?

    PARTICIPAR VER PARCIAL

    redes sociais