Abstenção

Mais de 8,8 mil candidatos faltaram nas provas do Paes 2023 da Uema

A abstenção representa 25,56% (¼) do percentual total de inscritos, que foi de 33.029.

Imirante.com

- Atualizada em 28/11/2022 às 06h24
O vestibular destina-se ao preenchimento de 4.320 vagas para o primeiro e segundo semestres de 2023.
O vestibular destina-se ao preenchimento de 4.320 vagas para o primeiro e segundo semestres de 2023. (Foto: Diego Chaves / O ESTADO)

SÃO LUÍS - Um total de 8.843 candidatos faltaram nas provas do Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior da Universidade Estadual do Maranhão (Paes/Uema), realizado nesse domingo (27). A abstenção representa 25,56% (¼) do percentual total de inscritos, que foi de 33.029.

Os candidatos contaram com 23 locais de prova, sendo 20 deles na Uema, campus São Luís, e três na da Região Tocantina. Os portões foram abertos às 12h e fechados às 13h.

O vestibular destina-se ao preenchimento de 4.320 vagas para o primeiro e segundo semestres de 2023. Os cursos de graduação são oferecidos na Uema e 905 vagas da UemaSul.

A prova em etapa única é constituída de 60 questões de múltipla escolha e redação. As questões de Língua Portuguesa e Literatura e a Produção Textual têm como referência textos nacionais e as seguintes obras literárias: “Cazuza”- Viriato Correia; “Uma ideia toda azul”– Marina Colasanti; “Perto do coração selvagem”– Clarice Lispector.

Nesta edição, os cursos mais concorridos do vestibular são o de Formação de Oficiais Polícia Militar - sistema universal/feminino, com 146,43 candidatas por vaga; Medicina (Campus Imperatriz – UemaSul) - sistema universal, com 131,56 candidatos por vaga; e o Curso de Formação de Oficiais Polícia Militar - cota para negros/feminino, com 128 candidatas por vaga.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.