Assistência e serviços médicos

Rede Cuidar atende pessoas com sequelas de Covid-19

Governo do Maranhão implantou a iniciativa em São Luís, Imperatriz, Santa Inês e Presidente Dutra.
Publipost/Governo do Maranhão25/04/2021 às 08h00
Rede Cuidar vai ampliar a assistência aos pacientes recuperados da Covid-19. Foto: Divulgação.

Responsabilidade e sensibilidade seguem dando o tom no combate ao coronavírus no Maranhão. O mês de abril marcou a inauguração dos serviços da Rede Cuidar, uma iniciativa do Governo do Estado com o objetivo de ampliar a assistência e serviços
médicos especializados aos pacientes recuperados de Covid-19, mas que apresentem sequelas da doença, na capital e mais três municípios maranhenses.

Um verdadeiro centro de reabilitação, a Rede Cuidar funciona no anexo do Hospital Dr. Carlos Macieira (HCM), na capital, e em policlínicas de Imperatriz, Santa Inês e Presidente Dutra. Além da atenção ao paciente com sequelas da Covid-19, a iniciativa
acolhe também familiares que perderam entes querido, e que possam precisar de acompanhamento psicológico.

No HCM, em São Luís, o serviço conta com quatro consultórios (dois para clínica geral e dois para demais especialidades), sala de coleta e sala de triagem. Lá, o paciente pode realizar exames e consultas em cardiologia, neurologia, pneumologia, endocrinologia e psiquiatria, além de atendimento multiprofissional com fisioterapeuta, nutricionista e fonoaudiólogo.

O atendimento na Rede Cuidar segue o mesmo fluxo estabelecido nas unidades da rede estadual de saúde. Desse modo, pacientes que estão internados e os que já receberam alta nas unidades estaduais sairão referenciados para o atendimento pós-Covid na Rede Cuidar.

Serão oferecidos serviços e exames de várias especialidades. Foto: Divulgação.

A Rede Cuidar funciona das 8h às 12h e das 14h às 18h. Além do encaminhamento feito pelas unidades, o agendamento de consultas pode ser feito pelo whatsapp (98) 99161-9028 ou presencialmente, em cada unidade da Rede Cuidar, que deve chegar a mais cidades maranhenses ainda esse ano.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.