Paralisação

Funcionários dos Correios do Maranhão aprovam greve nacional, diz sindicato

A paralisação ocorre em todo o país por tempo indeterminado.
Imirante.com, com informações do Sintect-MA18/08/2020 às 06h58
Funcionários dos Correios do Maranhão aprovam greve nacional, diz sindicatoCorreios diz que tem "plano de contingência para garantir a continuidade das atividades". (Foto: Reprodução)

SÃO LUÍS - Os trabalhadores dos Correios do Maranhão decidiram aderir à greve nacional, durante assembleia realizada, nessa segunda-feira (17), em ambiente virtual.

"Ao colocar em regime de votação, foi aprovada por ampla maioria a greve geral da categoria", diz publicação no site do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos do Maranhão (Sintect-MA).

A paralisação ocorre por tempo indeterminado, em protesto contra a retirada de direitos, a privatização da empresa e a ausência de medidas para proteger os empregados da pandemia do novo coronavírus, segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas dos Correios e Similares (Fentect).

Correios

Por meio de nota, os Correios já haviam adiantando que a empresa "possui um plano de contingência formulado para garantir a continuidade de suas atividades, sobretudo nesse momento em que os serviços da empresa são ainda mais essenciais para pessoas físicas e jurídicas".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.