Na BR-135

Motociclista sem CNH morre após colidir com moto na traseira de caminhão

Riveraldo Licar tentou uma ultrapassagem pela direita, pegando o acostamento, e não viu um caminhão parado.
Imirante.com, com informações da PRF-MA21/01/2020 às 13h47

SÃO LUÍS – Na manhã desta terça-feira (21), um motociclista, identificado como Riveraldo Licar Santana, morreu após colidir com a moto na traseira de um caminhão na BR-135, em São Luís.

Com o impacto da colisão, Riveraldo Licar Santana foi a óbito no local. / Foto: Divulgação/PRF-MA.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal no Maranhão (PRF-MA), o acidente aconteceu por volta das 9h, entre os quilômetros 5 e 6 da BR-135.

Riveraldo Licar conduzia uma motocicleta Honda/CG 150 Fan ESI, de cor preta, no sentido decrescente da BR-135. De acordo com as primeiras informações obtidas pela PRF-MA, o tempo estava chuvoso, e o motociclista tentou ultrapassar pela direita um veículo de carga.

Quando fez a manobra, desceu para o acostamento e colidiu na traseira de um caminhão que estava parado. Com o impacto da colisão, Riveraldo Licar Santana foi a óbito no local. A vítima morava na cidade de Miranda do Norte e estava indo para São Luís.

Riveraldo Licar Santana morreu no local. / Foto: Divulgação/PRF-MA.

Motociclista não habilitado

De acordo com a PRF-MA, Riveraldo Licar não tinha a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e chegou a ser multado no dia 2 de novembro de 2019, por dirigir sem possuir a CNH. A abordagem aconteceu na Unidade Operacional da PRF de São Francisco, no km 85 da BR-135, entre Santa Rita e Entroncamento.

Ainda segundo a PRF-MA, a falta de habilitação pode ter sido a causa da morte do motociclista, já que ele fez uma das manobras mais arriscadas no trânsito, a ultrapassagem pela direita e pelo acostamento. Além de ser uma infração gravíssima, esse tipo de ultrapassagem deixa o condutor sem a visão necessária e torna a manobra imprevisível. E sob chuva o risco dobra.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.