Balanço

Cresce o número de acidentes com quebra de postes no Maranhão

Segundo dados da Cemar houve um aumento de 29,6% no número de acidentes com quebra de postes de energia elétrica em todo Estado, em 2018.
Imirante.com / com informações da assessoria31/01/2019 às 09h38
Cresce o número de acidentes com quebra de postes no MaranhãoAcidentes são comuns nas madrugadas. (Foto: Reprodução/WhatsApp)

SÃO LUÍS - Os acidentes de trânsito com quebra de postes da rede elétrica tendem a tornarem-se mais comuns em períodos chuvosos, principalmente pelo descuido com a pista molhada. Esses acidentes afetam tanto os ocupantes dos veículos e seus familiares, como os moradores próximos ao acidente, já que o mesmo pode ocasionar interrupção no fornecimento de energia elétrica para a população local.

Leia também:

Após colisão, poste cai sobre veículo no Mercado Central

Carro capota após colidir em poste na avenida Daniel de La Touche, em São Luís​

Carro derruba postes e deixa bairro sem energia em Imperatriz​

Os números de acidentes com essas características, que envolvem os postes da rede de energia elétrica no Estado, são preocupantes. Durante todo o ano de 2018, no Maranhão, foram contabilizados pela Companhia Energético do Maranhão (Cemar) 2.735 acidentes em vias públicas com quebra de postes de energia, uma média de quase 7,4 postes por dia. Destes, 328 aconteceram em São Luís. Em relação ao ano de 2017, houve um aumento de 29,6% no número de acidentes com quebra de postes em todo Estado.

É muito importante a atenção, principalmente agora, época de chuvas constantes e intensas. Segundo as autoridades de trânsito, esse tipo de acidente normalmente acontece pelos seguintes fatores: excesso de velocidade, más condições das vias, estado de embriaguez, sonolência do condutor ou falha mecânica e falta de atenção dos condutores como, por exemplo, o uso do celular ao volante e à falta de manutenção dos veículos.

Segundo o Executivo de Segurança da Cemar, Francisco Ferreira, “com o período chuvoso as pistas ficam escorregadias e muitos obstáculos ficam cobertos pela água dificultando a percepção dos motoristas. Os principais cuidados são andar sempre em velocidade reduzida e manter a manutenção dos veículos em dia. Evite sair com seu veículo durante as chuvas fortes e, redobre a atenção durante as chuvas no período noturno”.

Nos pontos com os maiores registros de ocorrências, a Cemar instalou defensas (elementos de concreto na frente dos postes - atualmente essas defensas são feitas com manilhas recheadas de areia), cujo objetivo é amortecer o impacto da colisão dos veículos em acidentes, dificultando a queda do poste sobre o carro, preservando assim a vida do motorista e dos passageiros.

As vias com o maior número de acidentes em São Luís são as avenidas: Jerônimo de Albuquerque, Daniel de La Touche, São Luís Rei de França, Guajajaras, Litorânea, Holandeses, Portugueses, Africanos, Franceses, Estrada da Maioba- MA – 202, e a Estrada de São José de Ribamar – MA 201. Esses acidentes geralmente ocorrem durante a madrugada e nos finais de semana, segundo os órgãos de trânsito.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.