Tadeu Palácio diz que não cometeu nehuma irregularidade em sua administração

Imirante.com 04/09/2002 às 10h35

O prefeito de São Luís, Tadeu Palácio, está encerrando o seu pronunciamento na Câmara Municipal sobre as denúncias feitas pelo vereador Pedro Celestino (PV) contra a administração municipal.

Segundo Celestino, o Executivo Municipal teria desviado cerca de R$ 3,5 milhões de um empréstimo contraído junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a aquisição de equipamentos da Companhia de Limpeza e Serviços Urbanos (Coliseu) e mais de R$ 109 mil repassados pelo Ministério da Saúde destinados à compra de materiais para o setor, além de realizar contratos sem licitação com as empresas Limpel e Limpfort e de ter feito operação de crédito de mais de R$ 32 milhões sem autorização do Legislativo Municipal.

Tadeu Palácio disse que não cometeu e nem cometará nenhuma irregularidade durante o seu governo. Agora, seus assessores começam a detalhar a defesa sobre as acusações feitas por Pedro Celestino.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.