Cidades | Policiamento ostensivo

Ações da PM foram intensificadas no fim de semana na Grande Ilha

Mais de 500 pessoas foram abordadas durante a Operação Saturação; foram vistoriados cerca de 250 veículos pela tropa do BPTur
Ismael Araújo / O Estado27/04/2021
Ações da PM foram intensificadas no fim de semana na Grande IlhaAções pontuais da Polícia Militar foram intensificadas durante o fim de semana na Grande Ilha (Divulgação)

São Luís - A Polícia Militar intensificou ações durante o fim de semana, na Grande Ilha, com o objetivo de evitar a prática de crimes, como assaltos, homicídios, tráfico de drogas e atos cometidos por faccionados. Na Operação Saturação, foram abordadas mais de 500 pessoas e cerca de 250 veículos foram vistoriados pela tropa do Batalhão de Polícia Militar de Turismo (BPTur).

As pessoas que circularam na Região Metropolitana durante o fim de semana pode observar as guarnições da Polícia Militar realizando barreiras e incursões, inclusive no período da noite e madrugada. Carros de passeio, motocicletas, vans e ônibus foram parados e vistoriados. Transeuntes também foram abordados nas ações.

O comandante do BPTur, tenente-coronel Emerson Bezerra, explicou que a Operação Saturação começou na noite do último dia 23 e se estendeu até as primeiras horas de segunda-feira, 26. O cerco policial teve como foco os pontos turísticos da Grande Ilha, como a Avenida Litorânea, Centro Histórico, área do Espigão Costeiro e Lagoa da Jansen. “Geralmente, há uma grande concentração de pessoas na área turística da capital durante o fim de semana e em dias de feriados, principalmente nas praias e no Centro Histórico, então requer uma atenção especial da Polícia Militar, para evitar ocorrências de grande vulto”, explicou Emerson Bezerra.

Ele informou que esse trabalho, além de evitar crimes, proporciona a sensação de segurança para o cidadão de bem. Em apenas um dia de operação, os policiais militares vistoriaram mais de 80 veículos e abordaram cerca de 150 transeuntes. “Na ação ocorrida no último dia 25 foi recuperada uma motocicleta, na área da Ponta d’Areia. O veículo tinha sido tomado de assalto na Ilha e estava sendo utilizada por faccionados”, disse o tenente-coronel.

Mais ações
A Polícia Militar também vem realizando, ao longo do dia, e intensificando aos fins de semana, outros tipos de operações. Entre elas, a Reviver Seguro, que é feita por meio do patrulhamento a pé; a Operação Praia Segura, na qual banhistas são abordados; e a Fecha Quartel. Este cerco policial visa ações de combate a facções, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e assaltos na cidade.

O comandante da BPTur contou que na Avenida Litorânea houve maior reforço do efetivo, em razão das obras de prolongamento. Os casos mais comuns neste ponto da cidade são os roubos, furtos, desacato e acidentes de trânsito. Enquanto, no Centro Histórico, os registros de crimes mais diários são arrombamentos, roubos e furtos, consumo de entorpecentes e uso de bebida alcoólica por adolescentes.

Outros cercos
Realizando incursões durante a madrugada de domingo, 25, no Parque Jair, a tropa do 20º Batalhão da Polícia Militar encerrou uma festa clandestina que estava ocorrendo no bar do Neguinho. Várias pessoas estavam no local e a maioria sem usar máscara. Houve condução para o Plantão de Polícia Civil do Maiobão, em Paço do Lumiar. Bares e restaurantes da localidade e adjacentes também foram vistoriados no fim de semana.

Na MA-201, nas proximidades do Frango Americano, na noite do último dia 24, a tropa do 13º Batalhão da Polícia Militar prendeu dois faccionados acusados de cometerem vários assaltos em São José de Ribamar. Com eles, os militares apreenderam vários celulares, uma motocicleta, um revólver calibre 32 com numeração suprimida e munições. Os criminosos foram apresentados na Delegacia do Maiobão onde tomaram as devidas providências.

NÚMERO

500 pessoas abordadas durante a Operação Saturação da BPTur

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte