Cidades | Gratuito

Projeto na área de educação para o enfrentamento da Covid-19 é disponibilizado

Projetos "Sesi Cuidar" e "Sesi Capacitar" tem foco no industriário e nas micro e pequenas empresas e fazem parte do Avança Maranhão
25/10/2020 às 07h00
Projeto na área de educação para o enfrentamento da Covid-19 é disponibilizadoAulas do projeto Sesi Capacitar respeitam as normas sanitárias (Divulgação)

São Luís - Desde o início da pandemia da Covid-19, o Serviço Social da Indústria (Sesi-MA) tem desenvolvido uma série de ações com o objetivo de auxiliar as empresas industriais e os industriários, no enfrentamento da crise sanitária.

Dentre as ações tem o Projeto “Sesi Cuidar”, que desenvolve ações nas áreas de saúde, alimentação e cultura voltadas para apoiar micro, pequenas e médias empresas industriais maranhenses por meio da adesão ao Sesi Viva + e na oferta de serviços gratuitos nas áreas de Promoção da Saúde e Segurança e Saúde do Trabalho neste período da pandemia até o fim do ano de 2020.

Já o Projeto “Sesi Capacitar”, é um programa voltado para o trabalhador da indústria 4.0, que tem como objetivo ofertar formação continuada presencial, estruturada em quatro eixos de aprendizagem, propiciando atualização profissional e oportunidade de autodesenvolvimento. O público-alvo são trabalhadores da indústria em pleno exercício de suas funções e trabalhadores em busca de recolocação no mercado de trabalho.

“O projeto faz parte das ações do SESI dentro do programa Avança Maranhão lançado recentemente pelo Sistema FIEMA e as demais entidades empresariais”, destaca o superintendente regional do SESI, Diogo Lima.

Educação
O Projeto Sesi Capacitar é estruturado por uma trilha de aprendizagem, a qual é organizada por eixos e módulos, com carga horária total de 184hs. O programa será desenvolvido com atividades presenciais.

A execução dos módulos será realizada pela equipe do Instituto Euvaldo Lodi (IEL), entidade também do Sistema FIEMA. As matrículas são realizadas na trilha completa.

Para o diretor do Sesi-MA e presidente da Fiema, Edilson Baldez “esses projetos são pertinentes nesse cenário atual de combate à Covid-19, principalmente para as micro e pequenas empresas que são as mais impactadas e são o alvo do nosso programa Avança Maranhão.”, finalizou Baldez.

Os eixos de aprendizagem incluem módulos como: comunicação escrita (24h), matemática básica (24h), fundamentos da TI com Windows (20h), fundamento do Office Word (20h), fundamento o Office Excel (20h), Internet (20h),planejamento estratégico e rotinas administrativas(24h), gestão de recursos humanos (4h), gestão de projetos (4h), competências socioemocionais(4h), marketing pessoal (12h), ética e postura organizacional (4h), entrevista: roteiros e direcionamentos (4h).

O projeto será executado nos meses de outubro a dezembro/20 e a aula inaugural foi realizada no dia 21 de outubro 2020.

As atividades do projeto acontecerão na Escola SESI Anna Adelaide Bello (São Luís), Escola SESI Marly Sarney (Imperatriz) e Escola SESI Raimundo Costa Sobrinho (Caxias). São disponibilizadas nessa etapa, 38 vagas para São Luís, 38 vagas para Caxias e 25 vagas para Imperatriz. Os módulos serão desenvolvidos nos espaços das escolas do SESI no turno noturno, totalmente gratuito.

Para o pedreiro Valdenor de Jesus Ribeiro, 31 anos, que mora no Parque Jair, em São Luís, que tem o ensino médio completo, aprender sempre é bom. “Eu vi a divulgação na empresa e conhecimento nunca é demais, resolvi me inscrever e hoje estou aqui.”, destacou o novo aluno do projeto Sesi Capacitar.

A servente Samara dos Santos Matos, 25 anos, que mora na Cidade Olímpica, também aceitou o desafio e iniciou o curso. “É mais uma qualificação para gente. Sempre é bom estudar”, disse a aluna que também atua na construção civil.

Desempregada há 3 meses devido a pandemia, a atendente de telemarketing, Joryanne Raquel Dourado, de 31 anos, que mora na Madre Deus ficou sabendo do curso no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). “Espero aprender mais e com isso conseguir um novo emprego!”.

Presente na aula inaugural do projeto, o superintendente da Fiema, Cesár Miranda agradeceu a participação dos alunos e a dedicação de todos os envolvidos no projeto.

“Só temos a agradecer a participação de todos vocês. Espero que vocês possam aproveitar ao máximo essa oportunidade porque é apenas por meio da educação que podemos mudar a nossa realidade!”, finalizou Cesar que estava acompanhado da coordenadora de educação do Sesi-MA, Vanda Marli, da gerente do Sesi Anna Adelaide Bello, Regina Sodré e da coordenadora regional do IEL-MA, Michele Frota.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte